Justiça Inglesa aceita ação de Eva Carneiro e caso será apreciado pela Corte Trabalhista

Eva Carneiro chegando para audiência no Tribunal Laboral de Londres Foto: ( Anthony Devlin)
Eva Carneiro chegando para audiência no Tribunal Laboral de Londres Foto: ( Anthony Devlin)

Como já havia sido noticiado pelo Chelsea Brasil, a batalha judicial entre a Dra. Eva Carneiro, o Chelsea e José Mourinho, teve seu primeiro capítulo na tarde desta quarta-feira, 06 de janeiro, em Londres. A primeira audiência, chamada de audiência preliminar, aconteceu para determinar se o caso merecia ou não apreciação da justiça trabalhista britânica e para tentar um acordo entre as partes.

Contudo, após mais de três horas de audiência, um acordo não foi possível e agora a ação foi aceita pela justiça e será analisada por um Juiz Trabalhista do Tribunal Laboral do Sul de Londres. Datas ainda não foram definidas para quando acontecerão as primeiras audiências, mas tudo indica que começarão em junho deste ano.

Leia mais: Médico da FIFA garante apoio a Eva Carneiro em processo contra o Chelsea

Os termos de referência para a ação foram acordados na audiência – o rol de testemunhas e os elementos de prova que podem ser divulgados, como e-mails e textos.

Eva Carneiro quer seu posto como médica do Chelsea reintegrado e também danos morais por toda a repercussão do caso. O Chelsea apresentou sua defesa preliminar no mês passado, mas não foi o suficiente para impedir a ação de correr normalmente.

Carneiro também tem uma ação legal pessoal separada contra o ex-técnico do Chelsea, José Mourinho, que deixou o clube em dezembro, por alegada violência moral e discriminação. Esta ação não foi objeto de apreciação na reunião desta quarta-feira.

Category: Chelsea Football Club

Tags:

Article by: Márcio Canedo