Destaque nos últimos jogos, Chalobah fica e possui qualidades agregar ao plantel de Tuchel

Trevoh Chalobah seguirá junto com o elenco do Chelsea para a temporada. Segundo Nizaar Kinsella, o jovem defensor ainda deve negociar um novo contrato junto ao clube, após pedido do técnico Thomas Tuchel por sua permanência.

Após três temporadas emprestado, Chalobah impressionou Tuchel na pré-temporada, inclusive sendo titular no jogo da Supercopa da UEFA. Da mesma forma, foi titular na rodada de abertura da Premier League na vitória de 3-0 sobre o Crystal Palace.

Ainda mais que a titularidade, o zagueiro foi peça central na primeira exibição dos Blues no campeonato inglês. Além de assumir o controle na zona defensiva, ele marcou um golaço que fechou o placar em Stamford Bridge.

Assim como consolidou a vitória, o gol representou um marco na carreira do jovem: foi o primeiro como profissional vestindo a camisa do Chelsea. Como resultado, mais três pontos para o clube e um prêmio de melhor da partida para o jogador.

Dessa forma, apesar do interesse de alguns clubes em receber Chalobah em vínculo de empréstimo, ao que tudo indica ele seguirá em Londres e fará sua temporada de estreia pelos Blues.

De repente no centro dos holofotes

Conforme o desenrolar da pré-temporada, o defensor chamou atenção de Thomas Tuchel. Assim, com Thiago Silva, César Azpilicueta e Reece James sem condições ideias para jogo, Chalobah foi titular na Supercopa da UEFA.

A escalação para decisão foi uma surpresa para grande parte dos torcedores. No entanto, durante os 120 minutos da partida demonstrou o porquê do treinador ter apostado nele. Sem dúvidas, foi um dos destaques do Chelsea na partida, em especial na etapa final do jogo.

Diante da pressão constante do Villarreal, o zagueiro não pareceu se intimidar. Mesmo após o gol de empate dos espanhóis, ele pareceu não se abalar. Por mais que houve momentos que tomou decisões precipitadas, demonstrou solidez. Assim como demonstrou sua força e seu condicionamento físico.

Logo, apenas três dias depois estava começando o jogo contra o Crystal Palace. Mais 90 minutos de jogo para o zagueiro, que contribuiu diretamente para que o Chelsea não levasse gols, além de marcar o gol que fechou o placar da convincente vitória.

Chalobah comemora seu primeiro gol com a camisa dos Blues (Créditos/Reprodução: Chelsea FC/Getty Images)

Em suma, o zagueiro deve continuar recebendo oportunidades no time. Inclusive, podendo jogar como volante caso necessário. Nesse sentido, uma coisa é certa: Tuchel está de olho e buscará escalar o jovem da melhor forma possível.

Talento para muitos anos

Muito se fala sobre Mason Mount e sobre a expectativa de que ele vire uma lenda do clube. Assim como Mount, Chalobah tem tudo para construir uma longa história vestindo azul e assumir protagonismo no futuro.

O treinador dos Blues comentou sobre os aspectos do jovem defensor que atraíram seu olhar:

Ele teve um pré-temporada fantástica com o time, além de ser um ótimo jogador. Acima de tudo é uma grande pessoa. Ele mantem os pés no chão e aproveitou todas as oportunidades que teve […] Então acho bem lógico que ele fique aqui e siga conquistando espaço. Trevoh é um dos caras que com certeza queríamos manter“.

Alto, versátil e técnico. Ele é um jogador que pode jogar em diversas posições da linha defensiva, bem como no meio campo. Com isso, Trevoh pode garantir ao treinador mais uma peça para a linha de três zagueiros. Bem como pode jogar pelo meio, tanto como primeiro, quanto como segundo volante.

Mesmo com a versatilidade e com a experiência jogando pelo meio no Lorient, para onde foi emprestado na última temporada, Tuchel parece saber bem onde quer que Chalobah atue:

Ele tem atuado na linha defensiva de três zagueiros. Agora, eu diria que essas são as três posições onde ele pode atuar no melhor nível. Mas essa é minha opinião depois de apenas seis ou sete semanas. Então, tem espaço e tempo suficientes para ele me convencer de que pode atuar como o quarto meio campista“.

Com Chalobah ficando, os planos mudam?

A janela de transferências está perto do fim e os Blues já realizaram muitas movimentações. Ainda assim, os rumores seguem a todo favor. Nesse sentido, uma das especulações mais fortes ligadas ao Chelsea tem sido o nome de Jules Koundé.

De antemão, entendiam que ele seria emprestado para abrir vaga para o francês. No entanto, o empréstimo está fora de questão. O que cria incertezas quanto aos planos dos Blues em contratarem mais um zagueiro.

Apesar das especulações e das vontades dos torcedores uma coisa é certa no momento: o Chelsea não parece querer pagar a cláusula de €80 milhões para tirar Koundé do Sevilla.

Seja como for, o desejo de Tuchel pela permanência de Chalobah acaba diminuindo a necessidade dos Blues em reforçar a defesa de imediato. Do mesmo modo, representa uma grande oportunidade para o zagueiro formado pelo clube ganhar mais minutos e se desenvolver.

Chute que deu origem ao primeiro gol do jogador como profissional no Chelsea (Créditos/Reprodução: Darren Walsh/Chelsea FC)

Dessa forma, com os planos mudando ou não uma coisa é certa: Chalobah fica e vai buscar seu espaço no time titular. Até porque, à princípio, ainda tem mais dois anos de vínculo com o clube.

Category: Chelsea Football Club

Tags:

Article by: Nathalia Tavares