Azpilicueta na final da Nations League

Veja como os blues se saíram na fase final da Nations League

A Nations League, competição entre seleções europeias, teve sua fase final realizada ao longo dos últimos dias. Assim, o Chelsea Brasil resume o desempenho dos blues em tais partidas, incluindo alguns dos indicados do clube à Bola de Ouro. Confira:

Duplas enfrentam-se no primeiro confronto

Na primeira semifinal, a Espanha derrotou a Itália pelo placar de 2-1. Assim, teve fim a sequência de 34 jogos de invencibilidade da Azzurra. Pelo lado espanhol, o zagueiro César Azpilicueta e o lateral Marcos Alonso foram titulares. Em relação aos italianos, o lateral Emerson Palmieri (emprestado ao Lyon) e o volante Jorginho começaram jogando, sendo que o último foi substituído na etapa final.

Lukaku marca, mas Bélgica sofre derrota

Na outra semifinal, a Bélgica perdeu para a França por 3-2. O atacante Romelu Lukaku marcou na primeira etapa e abriu o placar do jogo. No entanto a França correu atrás e virou.

Já perto do fim da partida, Lukaku marcou mais uma uma vez. Porém, o gol foi anulado por impedimento. Além do camisa 9, Michy Batshuayi, atacante que está emprestado ao Beşiktaş, entrou nos minutos finais.

Por fim, vale lembrar que o volante N’Golo Kanté não foi convocado pela França por ter testado positivo para Covid-19. Nesse sentido, os Blues não tiveram representantes franceses nestas fases finais da Nations League.

Decisão tem derrota dos Blues

Na disputa pelo 3º lugar, a Itália venceu a Bélgica por 2×1. Emerson foi titular, enquanto que Jorginho entrou na segunda etapa. Enquanto isso, pelo lado belga, Batshuayi começou jogando e Lukaku ficou fora dos relacionados.

Por fim, a grande decisão da competição entre França e Espanha terminou com a vitória da França por 2-1. Enquanto do lado dos franceses os Blues não estavam presentes, por La Roja Azpilicueta e Alonso foram titulares. Apesar da boa atuação dos defensores, a Espanha não conseguiu evitar o triunfo francês.

 

Category: Chelsea Football Club

Tags:

Article by: Esaú Souza