Lampard demonstra apoio a Terry

Em meio às acusações de racismo por parte do zagueiro do Queen’s Park Rangers, John Terry ficará no banco no amistoso de hoje contra a Espanha, em Wembley. Seu companheiro de time, Frank Lampard, assumirá a braçadeira de capitão da Inglaterra.

A decisão de deixar Terry no banco foi por razões futebolísticas, segundo Fabio Capello. Enquanto isso, Lampard demonstrou total apoio ao amigo e companheiro de time e de seleção. Ele aproveitou para defender Terry das acusações.

“Essa é uma pergunta ridícula. Absolutamente não!” respondeu Lampard ao ser perguntado se Terry tinha sido racista.

“Eu conheço John. Falo com ele o tempo todo e trabalho com ele, como eu sempre fiz. Esse é um momento difícil para ele.”

“Se fosse um momento difícil para mim, eu não gostaria que alguém chegasse e me perguntasse ‘o que está acontecendo, como você se sente?”

“Ele está fazendo seu trabalho, como sempre tem feito.”

“O treinador tomou uma decisão e John aceitou. É assim que as coisas devem acontecer. Os jogadores o respeitam como capitão, como líder e como jogador.”

Category: Chelsea Football Club

Tags:

4 comments

  1. foi muito estranho ver john
    na reserva e ainda com a 16,
    querendo ou naum é uma punição
    por tudo q ele vem sendo acusado.

  2. foi muito estranho ver john
    na reserva e ainda com a 16,
    querendo ou naum é uma punição
    por tudo q ele vem sendo acusado.

  3. Não tive a oportunidade de ver o jogo. Vi somente as fotos.
    Terça-feira Terry será titular e voltará a ser o capitão!
    Pra cima deles, Terry!

  4. Não tive a oportunidade de ver o jogo. Vi somente as fotos.
    Terça-feira Terry será titular e voltará a ser o capitão!
    Pra cima deles, Terry!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Article by: Maria Akemi

Pernambaiana, torcedora do Chelsea desde muito tempo.