Com Claire Rafferty no banco, GB vence Brasil e fica com o primeiro lugar do grupo

Britânicas superam o Brasil, e agora enfrentam as canadenses (Foto: REUTERS/Paul Hackett).

No confronto que valia a primeira colocação do Grupo E das Olimpíadas, Brasil e Grã-Bretanha se enfrentaram hoje, em Londres, no estádio de Wembley. E, com um gol relâmpago, as britânicas bateram a seleção brasileira pelo placar mínimo.

Logo aos dois minutos de jogo, Steph Houghton (jogadora do Arsenal Ladies) fez o único gol da partida, seu terceiro em três jogos no torneio. O suficiente para colocar a seleção da casa no primeiro lugar do grupo E, evitando assim um confronto das anfitriãs com a seleção japonesa, logo na próxima fase. Claire Rafferty, que atua no Chelsea Ladies, ficou no banco de reservas, como opção da treinadora Hope Powell, mas não entrou em campo.

Com Marta e Cristiane apagadas, o Brasil não suportou a pressão dos mais de 70 mil torcedores que foram apoiar a seleção local. Mas as coisas poderiam ter sido pior para a equipe de Jorge Barcellos, se a goleira brasileira Andreia não tivesse defendido um pênalti cometido por Francielle, que Smith desperdiçou.

Com a derrota, coube agora à seleção brasileira a ingrata missão de ter que enfrentar as atuais campeãs mundiais, já na próxima fase, onde começa a etapa eliminatória da competição. Já as britânicas, que também buscam o inédito ouro, vão encarar as canadenses, em Coventry. No outro jogo da chave, as neozelandesas bateram a seleção de Camarões, e agora enfrentam as americanas. O outro confronto das quartas de final será entre Suécia e França. Todos os jogos serão realizados no próximo dia três, sexta-feira.

Resultados da última rodada da primeira fase do futebol feminino:

Grupo E

Grã-Bretanha 1 x 0 Brasil

Nova Zelândia 3 x 1 Camarões

Grupo F

Japão 0 x 0 África do Sul

Canadá 2 x 2 Suécia

Grupo G

França 1 x 0 Colômbia

Estados Unidos 1 x 0 Coréia do Norte

Category: Competições

Tags:

Article by: Patrick Monteiro