Chelsea vence West Brom e é campeão da Premier League

Em uma partida muito difícil, o Chelsea foi até The Hawthorns enfrentar a difícil equipe do West Brom em busca de garantir o título da Premier League. Com uma vitória, seria possível. Após 81 minutos de muita dificuldade em furar a defesa adversária, o dedo do treinador falou mais alto: Antonio Conte colocou Michy Batshuayi e alguns minutos depois o atacante belga marcou o gol do título.

Com 87 pontos, o Chelsea não pode mais ser alcançado por Tottenham e garantiu o título com dois jogos a se realizar no campeonato ainda. Na próxima segunda-feira, os Campeões voltam a campo contra o Watford, em Stamford Bridge para celebrar o título com sua torcida.

West Brom se fecha bem e primeira etapa termina empatada

Com gentilizas um tanto quanto inesperadas no início, a proposta do West Brom em campo não prometia ser a mesma. Logo aos trinta segundos, Rondon já conseguia forçar um escanteio em defesa de Courtois. Na primeira boa chance do Chelsea, Hazard fez um corta luz e recebeu na passada a bola de Diego Costa. No chute prensado, sobrou sem dificuldades para Foster defender. As equipes trocaram contra-ataques em certo momento. A projeção do West Brom era perigosa, pois o Chelsea só tinha Azpilicueta na defesa, mas um passe errado não trouxe maiores problemas.

Era difícil furar a defesa do West Brom

Após cobrança de falta ensaiada, Pedro tirou o “uh” da torcida quando seu chute foi desviado e já tirava o goleiro da jogada. Diego Costa tentou um arremate de fora da área, mas pela quarta vez na partida, havia um jogador do West Brom no meio do caminho para desviar. Aos 31 minutos, o Chelsea voltou a ser efetivo no ataque. Fàbregas teve chute rasteiro que passou perigosamente do gol de Foster. O time de Antonio Conte tem mais a posse de bola, mas não consegue traduzir em grandes chances para abrir o placar.

Pedro tentou levar perigo em chute colocado com o pé esquerdo, mas a bola não trouxe muita emoção para Foster, que só observou. Com muitas dificuldades ofensivas, era difícil pro Chelsea entrar na área do West Brom. Com sete jogadores marcando um curto espaço, Fàbregas conseguiu passe para Diego Costa, que girou, mas errou o chute. Aos 44 minutos, uma rara escapada do West Brom no jogo. Rondon encontrou McClean aberto que tentou o passe pro meio para Brunt, que estava livre. David Luiz se recuperou e evitou o que poderia ser o gol dos donos da casa.

Batshuayi entra no fim e faz o gol do título; O Chelsea é pela sexta vez campeão inglês

O Chelsea começou o segundo tempo com uma maior pontaria. Logo no início, Moses teve um chute cruzado que forçou bela defesa de Foster. Na sequência, Diego Costa também teve um arremate dentro da área, defendido pelo goleiro. Novamente o Chelsea levava perigo com menos de cinco minutos: dessa vez com Fàbregas, que teve um chute que passou rente ao poste esquerdo. Em ótima escapada de Hazard, o belga quase forçou um gol contra da equipe do West Brom. No escanteio seguinte, Moses recebeu na entrada da área e chutou forte, mas na direção de Foster.

O tempo passava e o Chelsea continuava com a mesma falta de pontaria do primeiro tempo. O West Brom continuava eficiente na marcação, porém Antonio Conte conseguiu aumentar as chances de sua equipe no princípio da segunda etapa. Aos 70 minutos, Rondon conseguiu uma bela jogada contra David Luiz e correu meio campo sozinho, até a chegada de Azpilicueta, que forçou o atacante a bater prensado e conseguir apenas o escanteio. O contra ataque do West Brom começava a ficar perigoso. Livermore recebeu livre, conseguiu achar Chadli que bateu rasteiro para fora.

Pé quente: Batshuayi entrou para fazer o gol do título

Aos 82 minutos, o Chelsea chegou aquele que poderia ser o gol do título. Após pressão ofensiva, Cahill teve um chute lascado. Azpilicueta não desistiu e foi atrás da bola e fez um cruzamento para Batshuayi tocar pro fundo do gol. O jogo ficou paralisado por alguns minutos por causa de invasão de campo de alguns torcedores do Chelsea que não conseguiram segurar a empolgação. West Brom ainda levava perigo e queria estragar a festa dos Blues.

Nos acréscimos, o Chelsea se segurava e tentava prender a bola e deixar o tempo passar. O West Brom se esforçava para tentar o empate nos minutos finais. Tentativa não sucedida. E às 17h52 minutos no horário de Brasilía, o Chelsea se sagrava campeão da Premier League, seu sexto título nacional da história.

Conte, ao seu estilo, comemora seu primeiro título com o Chelsea

Ficha Técnica

West Brom (4-2-3-1): Foster; Dawson, McAuley (Wilson 64′), Evans, Nyom; Brunt, Livermore, Fletcher, Field (Yacob 51′), McClean (Chadli 59′); Rondon

Reservas Não Utilizados: Myhill, Morrison, Leko, Robson-Kanu

Chelsea (3-4-3): Courtois, Azpilicueta, David Luiz, Gary Cahill; Moses (Zouma 85′), Fàbregas, Matic, Marcos Alonso; Pedro (Batshuayi 75′), Hazard (Willian 75′), Diego Costa

Reservas Não Utilizados: Begovic, Terry, Ake, Kante

Gols: Batshuayi 82′ (CHE)

Cartão Amarelo: McClean 20′ (WBA), Field 35′ (WBA), Wilson 71′ (WBA)

Árbitro: Michael Oliver

Category: Competições

Tags:

Article by: Diego Lepre

Carioca, estudante de Jornalismo e apaixonado pelo Chelsea.