Chelsea passa sufoco mas garante vaga nos minutos finais

Após o primeiro jogo com vitória do Chelsea pelo placar mínimo, o Benfica foi até Londres disposto a brigar pela classificação mesmo com alguns desfalques. Já o time londrino, precisava apenas de um empate de 0x0 para garantir a sua vaga nas semifinais.

O jogo foi equilibrado, com boas oportunidades para ambos os lados porém com as Águias tendo aproveitado melhores chances no primeiro tempo e insistindo mesmo após ter perdido um jogador por expulsão. O Chelsea ainda passou um sufoco nos minutos finais após ter sofrido o gol de empate mas foi Raul Meireles quem garantiu a classificação para os donos da casa.
O adversário do Chelsea nas semifinais será um velho conhecido, o Barcelona que se classificou ontem após ter eliminado o Milan.

1º Tempo
O jogo começou nervoso, com o Chelsea parecendo ainda se encontrar em campo e Benfica subindo mais vezes ao ataque, mas foram os Blues quem balançou as redes do adversário logo aos 11 minutos. Mata em posição de impedimento recebeu belo passe de Kalou e tocou pro fundo do gol, mas o bandeirinha estava atento ao lance e o juiz invalidou o gol.

Os portugueses parecem ter se assustado com o gol impedido e alguns minutos depois, Javi Garcia tromba com Ashley Cole na área e o juíz confirma a penalidade. Lampard foi para a cobrança e abriu o placar em Stamford Bridge.

Aos 28 as Águias quase igualam em ótima cobrança ensaiada de falta. O jogo permaneceu nervoso e então, próximo da etapa final do primeiro tempo, Maxi Pereira entra de carrinho em Mikel e recebe o 2º amarelo no jogo, o que deixa os portugueses com apenas 10 homens em campo.

2º Tempo
Logo no início do segundo tempo, Benfica chega com perigo obrigando Petr Cech a fazer linda defesa. Quase que de imediato, os ingleses respondem com Kalou que chuta cruzado, a bola passa raspando na perna direita de Ramires e bate na trave.

Aos 52 minutos, Torres deixa o marcador no chão, chuta no canto do goleiro mas Emerson consegue se recuperar e desvia para escanteio. O jogo continua equilibrado, com o Benfica se lançando ao ataque mesmo com um jogador a menos.

E a insistência pareceu surtir efeito. Faltanto 5 minutos para o final da partida, Javi Garcia subiu pra cabecear após cobrança de escanteio e empatar. A partir daí o jogo ganhou notas de drama e o Chelsea, assustado com o gol passa a se defender.

Os portugueses não desistiram e pressionaram os donos da casa obrigando Petr Cech a fazer grandes defesas.
Até que em um rápido contra-ataque, no último instante, Raul Meireles partiu com a bola em direção ao gol adversário, chapela o marcador e solta um potente remata na entrada da área, decretando a vitória e a vaga nas semifinais.

Ficha Técnica

Chelsea
Formação: 4-2-3-1
Cech; Ivanovic, Luiz, Terry (Gary Cahill), Cole; Mikel, Lampard; Ramires, Mata (Raul Meireles), Kalou; Torres (Drogba).

Benfica
Formação: 4-1-3-2
Artur; Pereira, Garcia, Emerson, Capdevila; Matic; Bruno César (Rodrigo 72), Witsel, Gaitán (Djalo 61); Cardozo (Oliveira 56), Aimar

Cartões: Ivanovic, Oscar Cardoso, Aimar, Ramires, Bruno Cesar, Mikel; Maxi Pereira (expulsão).

Gols: Lampard (pen. 20′), Javi Garcia (84′), Raul Meireles (91′)

Category: Competições

Tags:

Article by: Rodrigo Leone