azpi tem a confiança de lampard

Azpilicueta: “Temos que estar prontos para competir”

César Azpilicueta concedeu entrevista coletiva na segunda-feira (19) e demonstrou confiança que o Chelsea pode apresentar um bom começo na UEFA Champions League, diante do Sevilla. A equipe da Andaluzia é a atual campeã da Europa League, mas Azpilicueta afirmou sua crença na equipe londrina em disputas de nível internacional.

Um desafio completamente novo

“Desde que cheguei aqui em 2012, sempre tive a convicção e a confiança de que poderíamos lutar por tudo. Então, neste ano, é verdade que não começamos do jeito que gostaríamos na Premier League e na Copa da Liga Inglesa, mas a UEFA Champions League está iniciando e é um desafio completamente novo. Temos que estar prontos para isso, pois vamos jogar contra uma equipe forte”, iniciou Azpilicueta

“Vimos o Sevilla vencer o Wolverhampton e o Manchester United na última campanha da Europa League. É um time que quer controlar o jogo ofensiva e defensivamente”, afirmou o lateral.

O rival desta terça-feira

Azpilicueta comentou sobre o primeiro desafio do Chelsea na Champions. Além disso, o lateral frisou que o Sevilla é um bom time em um bom momento.
Azpilicueta comentou sobre o primeiro desafio do Chelsea na Champions. Além disso, o lateral frisou que o Sevilla é um bom time em um bom momento. (Chelsea FC)

“Quando não estão com a bola, [os atletas do Sevilla] querem recuperá-la para atacarem rapidamente. Além disso, o time também procura colocar os jogadores de ataque em situações perigosas. Na última temporada, na La Liga, eles terminaram na zona de classificação para a Champions e venceram a Europa League. Portanto, eles fizeram uma temporada muito boa e começaram a atual temporada da mesma forma”, salientou.

“Esperamos um jogo difícil, mas somos o Chelsea, estamos em casa, estamos fazendo o nosso primeiro jogo na UEFA Champions League. Portanto, temos que estar pronto para competir”, concluiu Azpilicueta.

A experiência de 2019/20 pode ajudar

“Quando você ganha experiência, obviamente é melhor, pois na temporada passada tivemos jogadores que nunca tinham experimentado atuações na Liga dos Campeões. Era novo para alguns deles e tivemos que medir forças contra times difíceis. A última experiência que tivemos na Champions foi contra o Bayern de Munique, eles foram os melhores da Europa na temporada passada. Ou seja, pudemos observar onde devemos estar se formos desafiar os melhores”, disse o espanhol.

“Inclusive, nós pudemos observar dentro e fora de casa como eles jogaram. A intensidade, a concentração, o foco em cada bola. Isso que é necessário para competir no mais alto nível. Naquele momento, nós vimos e aprendemos. Claro que você não fica feliz em perder. Entretanto, amanhã teremos a chance de mostrar no que melhoramos desde a temporada passada”, comentou.

Progresso defensivo

Azpilicueta e Thiago Silva conversam no intervalo do jogo contra o WBA. Na oportunidade, o Chelsea sofreu três gols da equipe do The Hawthorns. (Premier League / Site)
Azpilicueta e Thiago Silva conversam no intervalo do jogo contra o West Bromwich. Na oportunidade, o Chelsea sofreu três gols da equipe mandante. (Premier League / Site)

“O que está evidente é que para melhorar, e lutar por todos os títulos, temos que melhorar o viés defensivo. Obviamente, isso é um problema e temos que consertar coletivamente e individualmente. Afinal, quando você concede muitos gols, um dia você conseguirá marcar muitos gols e obter o resultado. Entretanto, não é todo dia que você obtém quatro gols no jogo. Acho fundamental seguirmos em frente e temos que começar a ter essa consistência de vencer jogos e de não sofrer gols”, disse.

“Quando você tem a solidez defensiva, eu acho que é um impulso para toda a equipe. Sempre vejo o futebol como coletivo. Quando não marcamos gols, eu procuro ver, até como defensor, como podemos colocar nossos jogadores ofensivos em melhores posições de campo. Em alguns momentos, eles não estão recebendo o serviço que deviam. Como defensor, me sinto mal quando sofremos muitos gols, mas as vezes temos que melhorar nossos erros individuais que têm sido um problema. Da mesma forma, coletivamente temos que tomar decisões e dizer ‘defendemos todos juntos agora’”, concluiu Azpilicueta.

Por fim, confira o pré-jogo de Chelsea x Sevilla, estreia do time de Frank Lampard na UEFA Champions League 2020/21.

Category: Competições

Tags:

Article by: João Vitor Marcondes

Taubateano e jornalista.