Lupa Tática – Chelsea FOURmidável

Os gols da equipe de Londres foram marcados por Tammy Abraham, Ben Chilwell, Thiago Silva e Timo Werner

A Lupa Tática de hoje aborda a vitória do Chelsea por 4 a 1 contra o Sheffield United. Os gols da equipe de Londres foram marcados por Tammy Abraham, Ben Chilwell, Thiago Silva e Timo Werner. A equipe da Fulham Road tinha vencido as duas partidas anteriores por 3 a 0. Primeiramente, contra o Burnley e, posteriormente, contra o Rennes. Desta vez, a diferença de três gols foi anotada novamente, mas a série de cinco clean sheets foi interrompida por David McGoldrick, no minuto 9 da etapa inicial.

Um cenário curioso por ter sido uma mostra contundente do poderio ofensivo do Chelsea, principalmente no segundo tempo, de um time que foi elogiado durante a semana por causa da defesa. Por exemplo, Ben Chilwell mencionou que a solidez defensiva é mérito de toda a equipe. Além disso, Frank Lampard concedeu entrevista ao site do Chelsea sobre o desempenho defensivo do plantel. Por isso, o técnico enfatizou as atuações de Kurt Zouma e Thiago Silva. Dois exemplos de falas proferidas durante a semana de trabalho visando o duelo contra o Sheffield United.

A defesa

Thiago Silva marca o terceiro gol do Chelsea. Além disso, o primeiro tento do defensor com o uniforme do time de Londres.

Thiago Silva marca o terceiro gol do Chelsea. Além disso, o primeiro tento do defensor com o uniforme do time de Londres. (Chelsea FC / Site)

O sistema defensivo teve uma apresentação positiva em nova oportunidade na Premier League. O grande destaque do encontro contra os Blades foi a capacidade de criação e produção ofensiva. Por isso, alguns defensores se beneficiaram com gols no embate em Stamford Bridge. Primeiramente, vamos falar sobre o lateral-esquerdo Ben Chilwell. O lateral participou diretamente de quatro gols nos últimos três jogos do Chelsea, em Stamford Bridge, e válidos pela Premier League. Ou seja, dois gols e duas assistências para o lateral. Portanto, os índices são equivalentes aos 52 jogos como mandante no Leicester City. Por fim, o SofaScore avaliou o atleta com a nota 7.9 no embate contra o Sheffield United. A melhor avaliação entre dos defensores.

Menção honrosa ao zagueiro brasileiro Thiago Silva. Com 36 anos e 46 dias, Thiago Silva se tornou o sexto atleta mais experiente que marcou um gol pelo time de Londres na Premier League. (via Opta). Por outro lado, “The Monster” é o segundo atleta no ranking de jogadores experientes e primeiros gols no Chelsea. Afinal, Gleen Hoddle, com 36 anos e 150 dias, é o futebolista com mais tempo de vida que marcou o primeiro gol com o uniforme do Chelsea.

Além disso, Thiago Silva apresentou 89% de aproveitamento de passes (100/112) e 120 toques durante o jogo. Segundo o SofaScore, Thiago Silva venceu dois duelos terrestres em duas situações de embate. Por outro lado, o brasileiro triunfou em três dos quatro duelos aéreos.

Por fim, N’Golo Kanté acumulou uma assistência no lance do quarto gol do Chelsea. O francês obteve cinco desarmes do jogo e seis duelos vitoriosos em jogadas no chão. Além disso, Kanté acertou sete dos nove lançamentos que arriscou em profundidade. Em conclusão, 90% de aproveitamento de passes para o camisa 7 do Chelsea.

O ataque

Ben Chilwell e Tammy Abraham balançaram as redes adversárias. Por fim, Thiago Silva e Timo Werner também marcaram.

Ben Chilwell e Tammy Abraham balançaram as redes adversárias. Por fim, Thiago Silva e Timo Werner também marcaram. (Chelsea FC / Site)

O portal Opta afirmou que nenhum jogador criou mais chances de gol em uma partida da Premier League, nesta temporada, do que Hakim Ziyech. Ao todo, foram seis chances criadas e duas assistências na vitória contra o Sheffield United. Assim sendo, o marroquino foi avaliado com a nota 8.9, pelo site SofaScore. Primeiramente, Ziyech concedeu assistência para Ben Chilwell no segundo gol da equipe londrina. Logo após, o dono da camisa 22 realizou cruzamento para Thiago Silva resvalar de cabeça rumo ao gol visitante. Consequentemente, Ziyech tentou deixar sua marca – foram duas finalizações bloqueadas pelos adversários e um chute fora do gol. Por fim, é a segunda avaliação acima de 8 pelo portal SofaScore. 8.1 contra o Burnley e 8.9 contra o Sheffield United.

Por outro lado, a equipe de Londres acumulou 14 gols em quatro jogos. Após os empates sem gols contra Sevilla e Manchester United, o Chelsea protagonizou o 4 a 0 contra o Krasnodar, na UEFA Champions League. Em seguida, 3 a 0 contra o Burnley, 3 a 0 contra o Rennes e 4 a 1 diante do Sheffield United.

Vale ressaltar que o Chelsea marcou 17 gols em 5 jogos em partidas que Tammy Abraham e Timo Werner atuaram juntos na formação inicial. Ou seja, nos embates contra: West Brom 3-3 Chelsea, Chelsea 4-0 Crystal Palace, Burnley 0-3 Chelsea, Chelsea 3-0 Rennes e Chelsea 4-1 Sheffield United.

Por fim, precisamos falar sobre Timo Werner. Gol contra a Suíça. Dois gols contra o Southampton. Gol diante do Krasnodar. Tento frente ao Burnley. Balançou as redes em duas oportunidades contra o Rennes e gol no compromisso contra o Sheffield United. Ou seja, oito gols nos últimos oito jogos em jogos pela Alemanha e pelo Chelsea. Além disso, você pode contar as assistências contra a Suíça e contra o Southampton. Ou seja, 10 participações de gols para Werner. Grande fase.

Números do jogo

Chelsea 4×1 Sheffiled United

Posse de bola: 70%-30%
Finalizações 20-6
Finalizações ao gol: 9-3
Chutes travados 6-2

Escanteios: 6-7
Faltas: 5-14
Cartões amarelos: 0-2

Perda da posse de bola: 133-142
Duelos ganhos: 43-30
desarmes: 13-10
Interceptações 9-4

A opinião de Frank Lampard na entrevista pós-jogo

Lampard elogiou o desempenho do time contra o Sheffield.

Lampard elogiou o desempenho do time contra o Sheffield. (Chelsea FC / Site)

“O nosso melhor desempenho em termos completos. […] Estamos em um bom lugar, mas para o nível de Manchester City e Liverpool significa que precisamos estar toda semana nesse bom lugar. Portanto, isso é o que precisamos fazer”, disse Frank Lampard.

Sobre Ziyech: “Ele é um jogador de primeira e um jogador muito completo. Ele ficou muito tempo fora. Teve a pausa no campeonato da Holanda e ele teve a lesão [no amistoso contra o Brighton]. Por isso, ele iniciou com entusiasmo e em um ritmo bom. E isso é bom para nós”, afirmou.

“Estamos na terceira colocação e isso é motivador. Entretanto, a temporada é longa. Eu sou o primeiro que coloco meus pés no chão. Foi um grande desempenho, mas temos que desafios após desafios que estão por vir”, concluiu Frank Lampard.

Por fim, confira outros textos do Lupa Tática, a publicação do Chelsea Brasil.

Além disso, o Chelsea Brasil está muito próximo de ser reconhecido novamente como Torcida Oficial dos Blues. Por isso, clique no banner abaixo e nos ajude.

João Vitor Marcondes

Taubateano e jornalista.