Em partida equilibrada, Chelsea perde em casa para o Crystal Palace

Crystal Palace surpreende e vence o Chelsea em Stamford Bridge

Crystal Palace surpreende e vence o Chelsea em Stamford Bridge

Neste sábado (29), o Chelsea recebeu o Crystal Palace em partida válida pela quarta rodada da Premier League. Em jogo intenso e equilibrado, Crystal Palace foi mais eficiente, levou a melhor e venceu por 2 a 1.

A partida marcou a segunda derrota de Mourinho em Stamford Bridge. Além disso, Falcao Garcia fez seu primeiro gol com a camisa azul.

O confronto também foi importante para o meia espanhol Cesc Fábregas. O espanhol fez seu jogo de número 250 na Premier League, juntando suas passagens pelo Arsenal e agora pelo Chelsea.

Primeiro tempo equilibrado e de poucas chances

O início do jogo foi amarrado. Nos vinte primeiros minutos, o Chelsea tinha o domínio da bola e buscava o jogo, mas devido a pouca criatividade do meio-campo não conseguiu criar chances concretas de gol. Já o Palace se colocava defensivamente, esperando as chances para contra-atacar.

Aos 20 minutos, a bola é levantada para área do Crystal Palace, após cobrança de escanteio. Zouma sobe para o cabeceio e é puxado por Wickham. Os jogadores dos Blues ficaram pedindo o pênalti, mas o juiz mandou o jogo seguir.

A primeira chance clara de gol apareceu aos 28 minutos. Após cruzamento de Sako para a área do Chelsea, a bola sobra para Cabaye, que sozinho na entrada na área, chutou e Courtois fez bela defesa.

Em contrapartida, a melhor chance para os Blues apareceu aos 41 minutos. Diego Costa recebeu a bola de Hazard pela direita, ajeitou e chutou forte. O goleiro McCarthy espalmou e Fábregas chegou para aproveitar o rebote, mas o próprio McCarthy fez novamente uma bela defesa.

Após isso, o Chelsea tentou criar novas chances, mas como foi durante todo primeiro tempo, o Palace soube marcar forte e evitar danos maiores.

No segundo tempo, Crystal Palace foi mais eficiente e levou a melhor

O segundo tempo começou como terminou o primeiro. Chelsea com a posse da bola e o Palace atrás esperando os contra-ataques. E a tática do time visitante deu certo após um contra-ataque puxado por Puncheon, que tocou para Bolasie cruzar e Sako marcar, após duas tentativas.

Atras do placar, Mourinho rapidamente lançou mão de Willian e Azpilicueta, para as entradas de Falcao e Kenedy. Foi a estreia oficial do jovem brasileiro com os Blues. Assim, o time ficou mais ofensivo e buscou o empate de todas as formas. E ele veio. Aos 33 minutos, Pedro cruzou da direita e Falcao Garcia marcou seu primeiro gol com a camisa azul. O colombiano terminava uma seca de 15 jogos sem fazer um gol.

Mas nem deu tempo para o time comemorar. Dois minutos após o empate, Sako recebeu cruzamento e passou para Ward cabecear sozinho e deixar novamente o Chelsea atrás no placar. Após o gol, Alan Pardew, treinador do Palace, fez mais duas alterações para manter o resultado e ganhar a partida.

Os Blues até tentaram buscar o empate. O time se lançou de vez para o ataque, mas sem sucesso. Com o resultado, a equipe de Mourinho tem apenas quatro pontos em quatro jogos na Premier League.

FICHA TÉCNICA

Chelsea: Courtois; Ivanovic (c), Zouma, Cahill, Azpilicueta (Kenedy); Matic (Loftus-Cheek), Fabregas; Pedro, Willian (Falcao), Hazard; Diego Costa Téc.: José Mourinho

Reservas não-utilizados: Begovic, Baba, Mikel, Remy.

Cystal Palace: McCarthy; Ward, Dann, Delaney (c), Souaré; McArthur, Cabaye (Ledley); Wickham, Puncheon, Sako (Chung-yong Lee) e Zaha (Bolasie). Téc.: Alan Pardew

Reservas não-utilizados: Hennessey, Mariappa,  Mutch, Gayle.

Gols: Sako 0-1 (min. 65) Falcao 1-1 (min. 79); Ward 1-2 (min. 81)

Cartão Amarelo: Cahill, Cabaye (Amarelo)

Árbitro: Michael Oliver

David Marques