Chelsea estreia com goleada na Copa da Liga

O Chelsea recebeu, nesta quarta-feira, dia 20, o Nottingham Forest, da segunda divisão, pela Carabao Cup. Em busca do sexto título, o Chelsea aplicou uma das maiores goleadas sobre o rival inglês por 5×1 em um jogo bem tranquilo em grande atuação de Eden Hazard e Cesc Fàbregas, além de gratas surpresas com Kenedy e Musonda e um jogo que pode ser uma retomada de Michy Batshuayi após seu primeiro Hat-Trick no Chelsea.

Antonio Conte resolveu jogar com um times misto, promovendo a volta de Kenedy após as polêmicas na pré-temporada, e contou também com a estreia oficial de Caballero no gol e a primeira partida como titular de Eden Hazard após lesão no tornozelo. O Nottingham Forest chegou a terceira fase da Carabao Cup após eliminar Shrewsbury Town da terceira divisão por 2×1 e Newcastle por 3×2

Superioridade do Chelsea fez o jogo ficar fácil

Após um início de jogo truncado com poucas chances para os dois lados, o ponta esquerda Kenedy, aos 13 minutos, recebeu um ótimo passe do zagueiro Rudiger e só teve trabalho para dar um toque no contrapé do goleiro do Nottingham – foi o primeiro gol de Kenedy em jogos oficiais desde a vitória contra o Norwich em Março de 2016. O segundo veio com Batshuayi aos 19, após Fàbregas tirar a bola do adversário na meia lua, a bola sobrou para Hazard, que estava cercado por quatro defensores. O belga tocou para dentro da área desviando em no zagueiro Hobbs, a bola acabou sobrando para o compatriota que conseguiu finalizar debaixo das pernas do goleiro.

Zappacosta até marcou aos 24 minutos, mas estava em posição irregular – o adversário conseguiu colocar ainda uma bola na trave com o meio campista Dowell em uma falta bem batida. A superioridade dos Blues na partida era nítida quando se via Cahill e Rudiger em vários momentos apoiando o ataque, Kenedy e Bakayoko até tentaram levar perigo mas foi Musonda que acabou marcando o terceiro gol, o primeiro dele com a camisa do Chelsea, o jovem recebeu um grande passe de Fàbregas aos 40 minutos e chutou embaixo de Henderson, o belga quase fez mais um após um passe de longa distância de Cesc Fàbregas.

Batshuayi marcou dois gols (Foto/ChelseaFC)

Novidades em campo e mais tranquilidade no segundo tempo

O segundo tempo já começou com um susto. Aos 46′, Dowell conseguiu finalizar dentro da área para uma boa defesa de Caballero; dois minutos depois foi a vez de Hazard chegar bem ao ataque, ao receber um passe de Musonda o belga tirou de dois adversários e acertou a trave do clube da Championship. Após outro grande passe de longa distância de Fàbregas, Hazard deixou o goleiro no chão e só rolou para o centroavante Batshuayi, que finalizou para o gol livre.

Após o quarto gol, Antonio Conte resolveu colocar o garoto de 17 anos Ethan Ampadu no lugar de Fàbregas. O jovem inglês vem sendo bem falado pelo técnico nos últimos dias e já recebeu o seu primeiro contrato profissional. O Forest chegou bem mais uma vez, o atacante Bereton conseguiu chegar dentro da grande área mas na hora de finalizar acabou chutando muito alto.

O jogo ficou morno, o Chelsea tentava chegar no ataque mas não conseguia dar perigo, o adversário chegou mais uma vez com uma falta batida por Clough. O dia era mesmo do Chelsea, aos 85 minutos após receber um lindo passe de Bakayoko, Kenedy acertou o travessão e a bola acabou acertando Batshuayi sozinho dentro da área e entrou, fazendo o belga conseguir seu primeiro Hat-Trick com a camisa azul. Kenedy até chegou novamente a área nos acréscimos mas Henderson defendeu, no contra ataque o Nottingham Forest chegou ao seu gol com Darikwa após um bate e rebate dentro da área, levando seus quatro mil torcedores que foram a Stamford Bridge a alegria; após o gol o árbitro Chris Kavanagh encerrou a partida.

Hazard foi um dos nomes do jogo (Foto/ChelseaFC)

Ficha Técnica:

Chelsea (3-4-3): Caballero, Rudiger, Christensen (Clarke-Salter 70’) e Cahill; Zappacosta (Sterling 75’), Fabregas (Ampadu 56’), Bakayoko e Kenedy; Musonda, Batshuayi e Hazard.

Reservas não utilizados: Eduardo, Moses, William e Morata

Nottingham Forest (3-5-2): Henderson, Mancienne, Hobbs e Worrall; Fox (Darikwa 59’), Dowell (Clough 73’), Osborn, Bouchalakis e Lichaj; Walker (Brereton 65’) e Cummings.

Reservas não utilizados: Smith, Vellios, Carayol e Mckay.

Cartões Amarelos: Hobbs 21’ (FOR)

Árbritro: Chris Kavanagh

 

Leonardo Luti

Estudante de jornalismo do UniBH/MG, passou por sites de menor conhecimento, possuiu um blog para falar sobre a Caldense/MG. Torcedor do Chelsea desde 2004 por conta do grande ídolo John Terry.