Thiago Silva concedeu entrevista ao portal da CBF sobre a Licença B. Além disso, o atleta continua com o calendário de jogos com o Chelsea.

Thiago Silva diz que cartão foi injusto, mas assume responsabilidade

O Chelsea perdeu para o West Bromwich na manhã do último sábado, por 5-2. Mas a derrota também trouxe outras notícias ruins. O time não terá Thiago Silva para o próximo jogo da Premier League, contra o Crystal Palace, no próximo sábado (10).

Thiago levou o segundo cartão amarelo e, consequentemente, o vermelho aos 29 minutos do primeiro tempo. No momento, os Blues ainda lideraram o placar, mas, a partir dali, a situação ficou diferente e o West Brom cresceu no jogo.

Em seu perfil oficial no Instagram, Thiago lamentou o cartão amarelo que levou à expulsão, mas assumiu a responsabilidade e diz que a expulsão acabou resultando na derrota.

Essa é a primeira suspensão do zagueiro brasileiro desde que chegou ao Chelsea, no início desta temporada. Ele ficará de fora apenas da partida contra o Crystal Palace, no próximo sábado, pela Premier League. Caso fosse um cartão vermelho direto, ele ficaria ausente de pelo menos três jogos.

A última vez que ficou de fora de um compromisso por cartão, foi na temporada 2018/19, quando ainda jogava pelo Paris Saint Germain. Na oportunidade, Thiago ficou suspenso por acumulo de cartões amarelos.

O Chelsea volta a campo nesta quarta-feira, contra o Porto, pela UEFA Champions League. O confronto será o de abertura das quartas de final entre os dois times e os Blues poderão contar com Thiago Silva no time.

Category: Chelsea Football Club

Tags:

Article by: Cleisson Lima

Tio do Júlio César, Estagiário de Redação na Rádio Transamérica, e Chefe de Redação no Futebol das Gerais. O caminho é um só...