Lampard confirma presença de Hudson-Odoi contra Barnsley

Callum Hudson-Odoi estará no duelo contra o Barnsley, em jogo válido pela Copa da Liga Inglesa

Frank Lampard, técnico do Chelsea, confirmou que Callum Hudson-Odoi estará no duelo contra o Barnsley e pediu ao atleta que desfrute da oportunidade. Hudson Odoi saiu do banco de reservas contra o Brighton e atuou por alguns minutos da estreia da equipe de Londres.

Na entrevista coletiva, Lampard mencionou que o jovem atleta tem atributos importantes. Por outro lado, o técnico foi direto ao dizer que Callum deve agarrar as oportunidades. Consequentemente, ele deve promover uma “dor de cabeça” para a viagem do final de semana. Ou seja, o jogo fora de casa contra o West Brom.

“Nesse momento, temos Christian Pulisic e Hakin Ziyech lesionados. Jogamos com Timo Werner pela extremidade em outro momento, mas que está preparado atualmente é Callum. Nós sabemos que em um plantel de Premier League com o número de jogos que vamos enfrentar, precisamos de competição nessas áreas. Além de reforços nessas áreas e atletas competindo pela posição”, iniciou Lampard.

Veja também: As falas de Frank Lampard na entrevista coletiva de terça (22).

“Esse é o lugar que Callum Hudson-Odoi está e esse é o porquê de eu continuar falando que ele precisa treinar. Ele precisa mostrar em cada minuto, com ou sem a bola, o que ele pode fazer pelo time. Nesse momento, essa é a posição de Callum. Ele teve um avanço rápido em sua carreira por causa do seu talento. Teve uma lesão e agora quero observar ele crescer novamente”, continuou o técnico.

Janela de Transferências

Frank Lampard não descartou a saída de atletas nas próximas semanas. Afinal, o técnico londrino vem buscando o equilíbrio em seu plantel para a segunda temporada como comandante do Chelsea. Além disso, a janela de transferências fechará no dia 5 de outubro.

“Tenho uma ideia do que eu quero. Quero fazer com que o elenco tenha uma competição saudável, mas não quero [a situação] que muitos jogadores não estejam competindo regularmente, sentindo que estão fora do elenco e não obtendo os minutos de jogo. Minha prioridade sempre será manter o time mais forte que puder dentro do Chelsea”, disse o técnico.

“Assim sendo, as questões individuais e as conversas vão acontecer. E eu vou garantir que terei um time competitivo, de uma forma saudável, assim que a janela de transferências fechar”, concluiu Frank Lampard.

João Vitor Marcondes

Taubateano e jornalista.