Segundo jornal inglês, Cole teria recusado novo contrato e pode sair do Chelsea no final da temporada

Se Cole realmente sair, será mais um campeão da UCL a deixar o Chelsea. (Foto: sportsclick.com.br)

De acordo com o jornal britânico Daily Mail, Ashley Cole teria recusado uma proposta de renovação de contrato e estaria disposto a deixar os Blues no final da temporada.

Cole não teria assinado a proposta de mais um ano de contrato e estaria se preparando para conversar com outros clubes como Real Madrid e Paris Saint-Germain em janeiro. Ele é mais uma vítima da política do Chelsea para jogadores acima dos 30 anos.

Se Cole e Lampard, que também está em seu último ano de contrato, saírem do Chelsea, pode-se confirmar que Abramovich estaria “desmontando” a equipe vencedora da Champions League.

Além disso, o russo disse aos jogadores que eles foram responsáveis pela saída de André Villas-Boas em março, e antes da equipe ter ganhado os dois troféus na última temporada, advertiu-os de que seus futuros estavam incertos.

Apesar do sucesso, o problema parece estar mais próximo, após o clube não ter correspondido às expectativas de Cole e Lampard nas negociações. No último verão, Drogba não chegou a um acordo com o clube por causa da duração do contrato, que estenderia a permanência do marfinense no Chelsea por apenas um ano.

Desde que chegou do Arsenal, Cole jogou 188 partidas pela Premier League, sendo que o Chelsea disputou 235 partidas nesse período. Nas primeiras temporadas ele não jogou com regularidade por causa de problemas no tornozelo, mas nos últimos quatro anos tem sido titular absoluto.

Embora Cole precise colocar seus tornozelos no gelo após os jogos e tenha um treinamento especialmente adaptado, ele não tem medo de continuar jogando.

O presidente-executivo Ron Gourlay está no comando das negociações, mas não conseguiu progredir. Gourlay disse após a final da Champions League que em setembro os jogadores já estariam com o contrato renovado.

Tanto Cole quanto Lampard acreditam que merecem mais respeito do clube, mas a situação de Cole está mais complicada após seu “desabafo” pelo Twitter.

Category: Chelsea Football Club

Tags:

Article by: Luís Barbosa