Steve Holland espera que Chelsea evolua após boa vitória contra Sunderland

Jogadores celebram o gol de Pedro (Foto: Chelsea FC)
Jogadores celebram o gol de Pedro (Foto: Chelsea FC)

No primeiro jogo sem José Mourinho no banco do Chelsea, o time, comandado por Steve Holland, teve desempenho bem melhor em comparação com os últimos jogos no campeonato inglês. Branislav Ivanovic abriu o placar para os Blues logo no início do jogo com uma cabeçada forte após bela cobrança de escanteio de Willian.

Minutos mais tarde, Pedro emendou chute certeiro para aumentar o resultado a favor dos mandantes. Nos primeiros minutos da etapa complementar, Oscar garantiu a vitória do Chelsea em cobrança de pênalti. Ainda houve tempo para os visitantes diminuírem com o ex-blue Fabio Borini, mas nada que impedisse que os três pontos fossem para o clube de Stamford Bridge.

Comandando o Chelsea ao lado de Eddie Newton, Steve Holland garantiu que a vitória foi fundamental devido o mau momento.

“Foram muito importantes os três pontos para o clube hoje. Nossa posição na tabela é muito ruim e se tivéssemos perdido, teríamos ido para as três últimas colocações. Vamos dia a dia e jogo a jogo. Estamos em uma posição ruim no campeonato que foi ligeiramente melhorada hoje. A prioridade é resgatar o que pudermos de nossa temporada na Premier League. Onde vamos chegar eu ainda não sei.

Vimos alguns sinais hoje na primeira metade do que os jogadores são capazes. Nós ainda temos a FA Cup e a Liga dos Campeões, duas competições que podemos competir  e nós temos que tentar fazer a melhor coisa possível no campeonato. O foco é muito claro”.

Holland também falou sobre a mensagem que passou para os jogadores antes da bola rolar.

“Onde quer que seus sentimentos estejam em relação à situação, eles (jogadores) tinham a responsabilidade com o clube e os seus torcedores ao redor do mundo. Temos jogadores de qualidade, eu não tenho nenhuma dúvida sobre isso e eles demonstraram que se importam (com o clube). Eles tiveram que mostrar isso dentro de campo”.

Nas substituições de Cesc Fàbregas e Diego Costa, além de alguns aplausos, foi possível ouvir vaias aos jogadores. Para Holland, esses sentimentos mistos aconteceram por conta do momento ruim.

“É evidente que os torcedores têm o direito de exprimir as suas opiniões. São alguns dias difíceis para todos. Eu estou feliz por este jogo e vou tentar olhar para frente. Do meu ponto de vista,  fiquei feliz com a contribuição deles (de Fàbregas e de Costa), por isso que eu os aplaudi quando saíram. Eu senti que eles mereceram pelo desempenho”.

Eden Hazard não esteve nem no banco de reservas depois de sofrer lesão na última segunda-feira (14) em visita ao Leicester City, quando o Chelsea foi derrotado por 2 a 1 pelos líderes da Premier League.

“Ele não esteve disponível porque não estava apto para jogar. Ele treinou na sexta-feira e tentou durante alguns minutos, mas estava com muita dor e desconforto”.

Apesar da saída de José Mourinho do comando técnico do Chelsea, Steve Holland não só homenageou o ex-técnico blue, como também agradeceu a oportunidade de trabalhar com um dos melhores nomes do mundo.

“Mourinho e sua comissão técnica foram fantásticos para mim, especialmente José. A última quinta-feira foi particularmente triste. Ele me convidou para uma refeição na próxima semana. Nosso relacionamento é excelente. Ele reconhece que fiz de tudo e eu gostaria de dizer que ele não é  só um treinador excepcional, mas é uma pessoa excepcional. Foi um privilégio e um prazer trabalhar com ele”.

Finalizando a entrevista, Holland falou sobre seu tempo no clube e disse se encontrou com Guus Hiddink, que já conversou com atletas do elenco após a partida.

“Estou certo de que as coisas vão evoluir ao longo dos próximos dias. É uma honra trabalhar para um clube como o Chelsea, que é um grande time no mundo todo. Essa é a minha sétima temporada aqui, o que significa que nestes momentos particulares, posso ter uma nova designação. Você se conecta com as pessoas que chegam.

Guus não falou com os jogadores coletivamente, mas ele conversou individualmente com alguns que ainda estavam no vestiário depois do jogo”, encerrou.

Category: Competições

Tags:

Article by: Murilo César