John Terry e Ramires treinam normalmente e podem enfrentar o Porto, na quarta-feira

Terry treinou normalmente com seus companheiros
Terry treinou normalmente com seus companheiros

Após ficarem de fora dos últimos jogos do Chelsea na temporada, o capitão John Terry e o brasileiro Ramires voltaram normalmente aos treinos nesta segunda-feira, quando se inicia a preparação do Chelsea para o decisivo confronto frente ao Porto, em Stamford Bridge pela sexta e última rodada da fase de grupos da atual UEFA Champions League, que pode decidir quem se classificará para a próxima fase do torneio europeu.

O ídolo, capitão e um dos pilares do elenco do Chelsea, John Terry ficou de fora dos campos pelas últimas duas semanas, quando perdeu os confronto contra Tottenham e Bournemouth pela Premier League, devido a uma leve lesão muscular. Porém nesta segunda-feira, dia em que completa 35 anos, o zagueiro voltou aos treinos e deve ficar disponível para enfrentar o Porto. Imagina-se que José Mourinho vá escalar Terry como titular, por sua experiência e liderança, que podem ser decisivas num momento como este.

Ramires também deve estar disponível após treinar normalmente nesta segunda. O brasileiro, que perdeu os últimos três jogos, tem sido um dos poucos jogadores a demonstrar um bom futebol no meio de campo azul e vinha numa boa fase, até que sofreu uma lesão que o deixou afastado por quase três semanas. Falcao, por outro lado, continua de fora por lesão muscular, que vem o atormentando há um bom tempo, e não tem previsão de retorno.

Os reforços podem ser importantes, já que o Chelsea encara o Porto para decidir uma vaga nas oitavas de final do torneio europeu, na sexta e última rodada da fase de grupos do torneio. O confronto acontecerá na quarta-feira, em Stamford Bridge, às 17:45 horas, horário de Brasília. O Chelsea é líder do grupo com 10 pontos, mesmo número que o Porto acumulou até o momento. Porém, uma derrota para os portugueses pode significar uma eliminação do torneio, já que o terceiro colocado, o Dynamo de Kiev, tem oito pontos e enfrenta o Maccabi Tel-Aviv, adversário fraco, o que faz com que uma vitória do Dynamo seja mais do que provável. Assim, o derrotado do confronto Chelsea e Porto possivelmente perderá a vaga na fase de mata-mata.

Category: Competições

Tags:

Article by: Márcio Canedo