Com dois gols, Lampard é o principal destaque dos Blues em dia de compromissos com seleções

Lampard comandou triunfo da Inglaterra (Foto: Getty Images)

Os primeiros movimentos dos jogos entre seleções reservou emoções aos jogadores do Chelsea. Até aqui, balanço positivo e 100% de aproveitamento para os selecionáveis Blues: a Bélgica e a Inglaterra estrearam com pé direito rumo a classificação para o Mundial 2014, enquanto, a Espanha e o Brasil, o último sob críticas de seus torcedores, sairam vitoriosos de seus amistosos.

Jogando em Chisinau, na Moldávia, a Inglaterra goleou a seleção local por 5 a o, pela primeira rodada do Grupo H das eliminatórias europeias. Destaque para o meia Frank Lampard, que marcou dois gols (4’ e 29’).  Jermain Defoe (32’), Leighton Baines (83’) e James Milner (84’) completaram a goleada. Além de Lampard, os blues também foram representados pelo zagueiro John Terry. Já Gary Cahill, Ryan Bertrand e Daniel Sturridge não foram aproveitados pelo técnico Roy Hodgson e ficaram no banco de reservas. Os ingleses agora enfrentam a Ucrânia na próxima terça-feira.

Na rodada de abertura do Grupo A das eliminatórias para a Copa do Mundo de 2012 a Bélgica, dos titulares Hazard e Courtois, não teve dificuldade para superar o País de Gales por 2 a 0, mesmo longe de seus domínios. Com um jogador a mais desde os 26 minutos devido a expulsão do rival James Collins, a seleção belga contou com gols dos Vincent Kompany, aos 41, e Jan Vertonghen, com 81 jogados, para confirmar os seus primeiros três pontos no campeonato. Aposta do Chelsea para a construção de seu futuro à longo prazo, Lukaku, cedido ao West Brom, e De Bruyne, ao Werder Bremem, participaram ativamente do triunfo da Bélgica na segunda etapa. O grande destaque da partida, entretanto, foi o camisa 11 Dries Mertens, do PSV, autor de ambas as assistências para os tentos.

Já em solo brasileiro, a viagem para disputa de amistosos com a seleção canarinho parece não ter servido a David Luiz, Ramires e Oscar para fugir das zonas de grande pressão. Distantes da fúria dos torcedores ingleses do Chelsea, após a derrota por 4 a 1 diante do Atlético de Madrid, na decisão da Supercopa Europeia, o trio do time londrino, em dia de mais uma atuação apática do time de Mano Menezes, sofreu com as fortes vaias das cercas de 52 mil pessoas presentes no Morumbi. Em meio às atuações sem brilho dos brasileiros, nota positiva para o capitão David Luiz, com participação importante no gol do novo atacante do Zenit, Hulk, grande destaque do confronto.

A Espanha passou fácil pela seleção da Arábia Saudita, na partida que marcou a centésima apresentação de Fernando Torres com a camisa da la Roja. Jogando na cidade de Pontevedra, os espanhóis bateram os sauditas por 5 a 0, em amistoso de preparação para as eliminatórias da Copa. Carzola (23), Pedro (27’ e 73’), Xavi (47’) e Villa (63’) marcaram os gols da vitória da Fúria.

* Matéria produzida em parceria pelos editores Diego Neves e Patrick Monteiro.

Category: Competições

Tags:

Article by: Chelsea Brasil

Somos o Chelsea Brasil, marca oficialmente reconhecida pelo Chelsea no Brasil e especializado em conteúdos e na comunidade de torcedores do Chelsea no Brasil.