Brasileiros do Shakhtar afirmam que Corinthians pode vencer o Chelsea

Alex Teixeira comemora o primeiro gol da partida (Foto: Getty Images)

O Chelsea enfrentou ontem pela terceira rodada da Liga dos Campeões na Donbass Arena o invicto na temporada Shakhtar Donetsk, e saiu derrotado pelo placar de 2-1. O time ucraniano se impôs em campo e venceu os Blues com autoridade chegando a concluir 23 vezes ao gol de Petr Cech.

“Poderia ser de mais, mas o importante foi vencer e assumir a liderança do grupo”, declarou o autor do primeiro gol da partida Alex Teixeira.

Os jogadores do Shakhtar trataram de dar dicas ao Corinthians após a derrota, e devem a boa atuação à forte marcação em cima dos meias Juan Mata, Eden Hazard e Oscar, e muita velocidade no contra ataque.

O ex-Corinthians Willian foi um dos destaques da partida e também falou sobre o Mundial de Clubes:

“Nosso time tem muitos jogadores rápidos e habilidosos. Jogamos curtinho, gostamos de ter a bola, e quando temos espaço vamos mesmo para cima, tentamos o drible, o chute… O Corinthians também sabe sair rápido para o jogo. Devem marcar forte e usar bem a velocidade do Sheik, do Paulinho, do Romarinho, que é útil para um jogo como esse. Se o Corinthians jogar como nós jogamos, vai dar muito trabalho ao Chelsea”.

Já Fernandinho, autor do segundo gol da partida, foi mais esclarecedor sobre o assunto:

“É preciso estudar muito bem a equipe adversária. Observamos muito o Chelsea, sabíamos das qualidades dos jogadores, os pontos fracos, e colocamos em prática nosso melhor, mantendo a bola no chão para os jogadores de qualidade que temos na frente. Deixamos a bola chegar o mínimo possível na nossa defesa, porque sabíamos que eles nos criariam problemas. Com a ginga brasileira, o Corinthians pode vencer”, afirmou.

Category: Competições

Tags:

Article by: Rodrigo Batista