Chelsea Ladies perdem para o Everton por 2×1

Dois chutes de longe foram o suficiente para as Everton Ladies conquistarem os três pontos sobre o time do Chelsea, em um jogo interessante no Marine FC.

A derrota fora de casa foi a segunda consecutiva das Ladies (Foto: Site Oficial)

As visitantes começaram muito bem, criando a primeira chance do jogo logo nos primeiros segundos. Após um escanteio no primeiro minuto, a cobrança de Claire Rafferty encontrou a cabeça de Gemma Bonner, mas a cabeçada passou próximo ao travessão.

Do outro lado, as donas da casa criaram uma oportunidade semelhante seis minutos depois, com Natasha Dowie cabeceando por cima do travessão.

A partida continuou movimentada, com as duas equipes criando chances de gol. Primeiro, em uma bonita jogada na entrada da grande área do Everton, Adriana tocou para Helen Bleazard, que chutou baixo e Rachel Brown defendeu. Um pouco antes, Carly Telford, goleira do Chelsea, havia interceptado uma tentativa de Dowie.

Na metade do primeiro tempo, Chelsea vinha resistindo a pressão do time do Everton, com Kylie Davies e Gemma Bonner fazendo intervenções cruciais para que as anfitriãs não abrissem o placar.

Após o início de chuva no jogo, as visitantes aproveitaram o momento para criar mais jogadas de ataque. Um uma das jogadas, Helen Lander e Dunia Susi tabelaram e em seguida, a lateral-direito avançou a linha de fundo, cortou para dentro antes de chutar rasteiro, para a defesa de Rachel Brown.

Com o intervalo se aproximando, Everton desperdiçou a melhor chance do primeiro tempo. Quando Dowie foi derrubada por Davies na grande área, o árbitro Craig Buxton marcou a penalidade. Fara Williams cobrou, mas Terford mergulhou no canto direito, alcançando a bola e mantendo o placar.

As anfitriãs começaram o segundo tempo de forma impressionante. Logo nos primeiros segundo, a atacante Toni Duggan acertou um espetacular chute de quase 25 metros, para deixar as Toffees na frente do placar.

Levando um gol logo no início da segunda etapa. Chelsea teve que se esforçar para evitar o segundo gol das donas de casa. Após um escanteio, Dowie finalizou perto do gol, enquanto Gwennan Harries, após um chute de longe, forçou Telford a fazer boa defesa.

Após isso, o momento do jogo voltou a ficar a favor do Chelsea, com Danielle Hill, goleira reserva do Everton, fazendo duas excelentes defesas consecutivas – uma de Sophie Perry e outra de Adriana.

Com seis minutos para o fim do jogo, Everton selou a vitória novamente com um chute de longe de Harries. Desta vez o chute foi baixo, mas fora do alcance de Telford.

As Blues diminuiram o prejuízo nos acréscimos. Após tentativa de Kate Longhurst, Adriana aproveitou a sobra e marcou o gol, seu primeiro pelo clube. Apesar disso, Everton saiu de campo com os três pontos.

Após a segunda derrota consecutiva, a técnica do Chelsea, Emma Hayes preferiu olhar além dos resultados. Com apenas três partidas no cargo, a treinadora foi incentivada pelo progresso feito em seu novo trabalho.

“Fizemos alterações no estilo de jogo e erros acontecem devido a essas mudanças”, explicou Hayes. “Eu acho que estamos começando a desenvolver um jogo mais agressivo, mas ainda estamos decepcionadas por levar gols, mas sinto que estamos sofrendos esses gols como resultado da tentativa de implementar essas mudanças.”

Chelsea Ladies continua sua campanha  jogando contra Bristol Academy dia 22 de Setembro.

Chelsea (4-4-2): Carly Telford (c); Claire Rafferty, Gemma Bonner, Kylie Davies, Dunia Susi; Sophie Ingle (Kate Longhurst 54), Dani Buet, Laura Coombs (Drew Spence 75), Helen Bleazard (Sophie Perry 75); Helen Lander, Adriana.
Reserva não utilizada Lara Fay.

Category: Chelsea Football Club

Tags:

Article by: Kelvyn Vital

Uma fábrica de bobagens ambulante a 2 anos e poco de ser médico.