Timo Werner fala sobre como é trabalhar com grandes nomes que admirava enquanto crescia
O Chelsea precisa de um atacante?