Na História. Cinco atletas argentinos que atuaram no Chelsea. Hernán Crespo é um dos atletas mencionados na publicação. Foto: Paul Gilham/Getty Images

Na História: Hermanos em Stamford Bridge

O Na História desta quinta-feira (26) aborda a relação entre atletas argentinos e o Chelsea Football Club. Cinco atletas e a trajetória dos futebolistas estão em foco na publicação especial do Chelsea Brasil. Primeiramente, Willy Caballero, Gonzalo Higuaín e Franco Di Santo são os três primeiros protagonistas do texto. Por fim, Juan Sebastian Verón e Hernán Crespo estão nos destaques do Na História.

A ideia do texto se deve ao falecimento de Diego Armando Maradona, fato ocorrido na quarta-feira (25), na cidade de Tigre (Argentina). Um fato que vale ser mencionado é: um dos maiores ídolos do Chelsea teve uma relação de aprendizado ao lado de Dieguito no Napoli. Gianfranco Zola assinou contrato com a equipe napolitana no mesmo período de atuação de Maradona com a equipe do Sul da Itália. Inclusive, essa situação foi relatada em um texto do These Football Times.

Assim sendo, confira o texto do Na História desta quinta-feira. Por fim, creditamos os dados e estatísticas abaixo ao site esportivo Transfermarkt.

Willy Caballero

É o argentino que, de forma permanente, prestou serviços ao Chelsea por mais tempo. O goleiro chegou na equipe de Londres em junho de 2017 e está com o plantel de Frank Lampard na temporada 2020/21. Segundo o Transfermarkt, Caballero tem 38 jogos com a equipe de Stamford Bridge. Ou seja, 10 jogos a menos em relação ao Manchester City, clube antecessor de Caballero. Além disso, o goleiro deu passos iniciais no Boca Juniors, mas não há registros de atuação*, segundo o site. Por outro lado, o arqueiro fez 13 partidas com o Arsenal de Sarandí e, posteriormente, acumulou estatísticas em clubes espanhóis.

É o caso do Elche e do Málaga. Primeiramente, o Elche, que é o clube que Willy Caballero mais atuou. 145 jogos pela equipe e 53 partidas sem sofrer gols. Além disso, o goleiro argentino faz 133 jogos pelo Málaga e 45 embates sem ser vazado. Nessas duas equipes da Espanha Caballero soma mais de 10 mil minutos de jogo. Por fim, a lista de troféus do goleiro com o Chelsea tem a Copa da Inglaterra (2018) e a Europa League (18/19). Em conclusão, Willy Caballero conquistou a Copa do Mundo sub-20 e os Jogos Olímpicos de Atenas com a seleção argentina.

* Números de partidas. Entretanto, Caballero integrou um dos planteis mais vitoriosos do Boca. Campeão argentino, Libertadores e Mundial em 2003.

Gonzalo Higuaín

Ao todo, Pipita fez 18 jogos e cinco gols com a camisa do time de Londres. Além disso, ele integrou o plantel vencedor da Europa League.
Ao todo, Pipita fez 18 jogos e cinco gols com a camisa do time de Londres. Além disso, ele integrou o plantel vencedor da Europa League. (Nick Potts/PA)

Higuain iniciou sua caminhada com o Chelsea no dia 22 de janeiro de 2019. Cinco meses – e alguns dias – depois, o contrato foi encerrado. 29 de junho de 2019, para ser mais preciso. Ao todo, Pipita fez 18 jogos e cinco gols com a camisa do time de Londres. Com exceção do Inter Miami, atual equipe do atleta, o Chelsea foi o time que Higuaín menos atuou em sua carreira. Além disso, foram 22 jogos no Milan, 33 embates no River Plate, 146 jogos no Napoli e 149 jogos na Juventus. Por fim, o maior número de jogos do futebolista foi no Real Madrid, 264 jogos e 121 gols do atacante.

O atacante integrou o plantel vencedor da Europa League de 2018/19. Ou seja, ao lado do também argentino Willy Caballero. O atleta do Inter Miami tem um hall de conquistas recheado. Três vezes campeão da Espanha e da Itália. Além de três edições conquistadas da Copa da Itália. Artilheiro da Série A em 2015/16 (36 gols), Higuaín participou de três Copas do Mundo e foi vice-campeão em 2014, no Brasil. Por fim, relembro que o futebolista participou da Copa América em três ocasiões e disputou a final da Liga dos Campeões da Europa, com a Juventus, em 2016/17.

Franco Di Santo

Aproximadamente um ano e sete meses no Chelsea. Di Santo iniciou sua jornada no clube de Londres no dia 24 de janeiro de 2008 e ficou nos Blues até o terceiro dia de agosto do ano seguinte. O atleta teve uma passagem pelo Atlético Mineiro, em 2020, mas se transferiu ao San Lorenzo de Almagro no mesmo ano. Primeiramente, sobre o Chelsea, foram 16 jogos com a camisa dos Blues e uma assistência computada. Portanto, 276 minutos de atuações de Franco Di Santo com o time londrino.

O atacante tem passagens por vários clubes – e vários países – na Europa. O Wigan Athletic é o time que Di Santo mais atuou em sua trajetória futebolística. Por pouco, o atacante não atingiu a marca centenária com o time inglês foram 97 jogos, 13 gols e 10 assistências com a equipe azul e branca. Ainda na Inglaterra, 24 jogos com o Blackburn Rovers e sete embates na equipe Sub-23 dos Rovers.

Na Alemanha, Schalke e Werder Bremen foram clubes de atuação do atleta argentino. Em solo espanhol, o Rayo Vallecano contou com seis atuações de Franco Di Santo. Por fim, o Audax Italiano, clube que antecedeu a passagem de Franco no Chelsea, time chileno que projetou o futebolista ao mercado europeu.

Juan Sebastián Verón

Juan Sebastian Verón comemora o primeiro gol do Chelsea na Premier League 2003/04.
Juan Sebastian Verón comemora o primeiro gol do Chelsea na Premier League 2003/04. (Foto: DreamteamFC)

Menos de um ano de permanência em Londres. Esse foi o período que Stamford Bridge foi a casa de La Brujita Verón. O primeiro dia do argentino foi 5 de agosto de 2003 e o 30 de junho de 2004 foi a data final do atleta argentino na Fulham Road. É a equipe que Verón menos atuou em sua carreira: 14 jogos. Entretanto, o meio-campista marcou um gol e participou com duas assistências com o Chelsea. Na Inglaterra, o ídolo do Estudiantes de La Plata também atuou no Manchester United em 82 partidas.

O argentino também atuou no Parma, Sampdoria, Lazio e Estudiantes de La Plata. Destaque para a equipe argentina, onde Verón atuou por 213 partidas e protagonista na conquista da Copa Libertadores de 2009. Ou seja, mais de 18 mil minutos de jogo. Posteriormente, Brujita ingressou em cargos diretivos e é o atual presidente do Estudiantes.

Hernán Crespo

73 jogos, 25 gols, quatro assistências e dois cartões amarelos. O Chelsea foi o único clube que crespou atuou em sua carreira. O atual técnico do Defensa y Justicia iniciou sua carreira como atleta no River Plate. O seu primeiro clube juvenil e o primeiro clube como profissional. Entretanto, crespo acumulou passagens pela Itália: Genoa, Milan, Lazio, Inter de Milão e Parma. Inclusive, o Parma é o time com mais partidas na carreira de crespo: 201 jogos, 94 gols e 12 assistências. Além disso, Crespo venceu dois troféus na Inglaterra. A Premier League e a Supercopa de 2006.

Por fim, confira os outros textos do Na História. Texto especial de quinta-feira aqui no Chelsea Brasil.

Category: Conteúdos Especiais

Tags:

Article by: João Vitor Marcondes

Taubateano e jornalista.