Deco fala da breve passagem de Scolari no Chelsea e também sobre José Mourinho

Deco venceu quatro taças nas duas temporadas que esteve em Stamford Bridge (Foto: Getty Images)
Deco venceu quatro taças nas duas temporadas que esteve em Stamford Bridge (Foto: Getty Images)

O ex-jogador do Chelsea, Deco, deu uma entrevista à famosa revista FourFourTwo, em que falou sobre momentos importantes de sua carreira, jogadores que admira e, também, sobre treinadores que o comandou, ao longo de sua carreira. Dois assuntos, portanto, não poderiam ficar de fora: Luiz Felipe Scolari e José Mourinho, dois grandes treinadores do luso-brasileiro.

O ex meio-campista, que fez história no Porto e Barcelona, falou sobre a breve passagem de Felipão pelo Chelsea e sobre motivos que abreviaram a estadia do treinador brasileiro em Londres. Segundo Deco, alguns “jogadores influentes”, insatisfeitos com Felipão, foram prestar suas queixas diretamente com a diretoria do clube, o que, segundo ele, pode ter sido fator determinante para a demissão do treinador, que não vinha conseguindo ter bom relacionamento com o elenco e amargava resultados insatisfatórios a frente do clube.

John Terry e Frank Lampard, dois ídolos dos Blues e que já eram lideres do elenco à época, negaram algumas vezes terem influenciado ou participado de tomadas de decisões da diretoria do clube, em casos famosos como as demissões de Felipão e André Villas-Boas, em que a imprensa deu como certa a influência deles e de outros jogadores como fator determinante para a saída destes treinadores. Contudo, em sua entrevista, Deco afirmou:

“Nos primeiros quatro meses (da temporada 2008/2009), estávamos liderando a Premier League, porém nós tivemos vários problemas com ‘jogadores importantes’ depois disso. Alguns jogadores não estavam jogando com muita frequência e é realmente difícil dizer o que aconteceu.

“Ele (Scolari) é um treinador emocional, que precisa falar e expressar seus sentimentos para os jogadores. Ele não conseguia fazer isso no Chelsea. Outra coisa importante foi que no momento em que alguns jogadores influentes tiveram um problema com Scolari, eles não foram falar com ele , mas sim se comunicar diretamente com os diretores. Isso não é bom para uma equipe.”

Questionado, posteriormente, sobre quem teria sido o melhor treinador de sua carreira, Deco citou Felipão, Carlo Ancelotti, que o treinou no Chelsea, e Fernando Santos, ex-treinador do Porto. Contudo, o ex camisa 20 dos Blues se rendeu a José Mourinho, afirmando que ele traz algo diferente ao elenco, uma ambição diferente:

“Eu acho que o melhor treinador foi José Mourinho, mas eu tive vários treinadores importantes na minha carreira.Fernando Santos foi muito importante para mim quando eu fui para o Porto, aos 19 anos de idade. Ele me ensinou muitas coisas que foram importantes no futuro.

Carlo Ancelotti é um treinador fantástico também, mas eu só trabalhei um ano com ele. Scolari também foi importante, é claro, mas, naquela época (em que Mourinho treinou Deco no Porto) Mourinho trouxe algo diferente. Ele trouxe uma ambição, porque naquela época era difícil para um clube português pensar que poderia vencer a Champions League.”

Como jogador do Chelsea, Deco conquistou duas FA Cups (2008/2009 e 2009/2010), uma Community Shield (2009) e uma Premier League (2009/2010), antes de deixar o clube, após a Copa do Mundo de 2010.

Category: Chelsea Football Club

Tags:

Article by: Márcio Canedo