UEFA aprova 5 substituições na Champions League 20/21

Medida já vinha sendo utilizada no final de 19/20

A UEFA aprovou, nessa quinta-feira (24), a permanência de cinco substituições na Champions League 2020/2021. A princípio, a medida entrou em vigor no retorno da temporada 2019/2020. Com a decisão da entidade, os clubes participantes da Fase de Grupos já poderão usufruir desse benefício.

Além da Champions, os clubes da Europa League e Women’s Champions League – que tem o Chelsea Women – também estão autorizados. O mesmo vale às seleções na Nations League, eliminatórias da Women’s EURO e eliminatórias europeias masculinas.

Chelsea Women é campeã

Chelsea Women também se beneficia com a decisão (Foto: Chelsea FC/Twitter)

Segundo a UEFA, com isso busca-se “aliviar a carga sobre os jogadores causada pelo condensado calendário de partidas internacionais de 2020/21 em meio à pandemia de Covid-19”.

Ademais, há outra novidade nas partidas. O número de atletas na folha de jogo será ampliado para 23, nos casos onde isso ainda não acontece.

Maria Akemi

Pernambaiana, torcedora do Chelsea desde muito tempo.