Havertz: "Foi um empate, mas nós fizemos um bom jogo"

Havertz: “Foi um empate, mas nós fizemos um bom jogo”

Kai Havertz concedeu entrevista ao site do Chelsea sobre o duelo contra o Krasnodar, empate em 1 a 1, na 6ª rodada da UEFA Champions League. O atleta alemão avaliou o resultado como positivo, mas mencionou que o time precisa aproveitar as chances que apareceram. Posteriormente, Havertz falou sobre Billy Gilmour e a atuação do jovem futebolista. Por fim, o Chelsea Brasil expõe algumas estatísticas do atleta no embate contra o Krasnodar.

Chelsea 1×1 Krasnodar

“Podemos ficar felizes. Foi um empate, mas nós fizemos um bom jogo. Tivemos muitas mudanças na equipe e novos jogadores na formação inicial. Portanto, o jogo foi difícil para nós, mas acho que fizemos um bom jogo e fizemos o nosso melhor. Sabemos que criamos muitas chances, mas temos que marcar os gols que não fizemos. Precisamos trinar mais para isso, claro”, iniciou Kai Havertz.

O jogo feito por Billy Gilmour

“Todos nós sabemos que Billy é um atleta muito talentoso com muitas qualidades. Assim como eu, ele é muito jovem ainda, mas na Champions League, ele atuou muito bem. A equipe está muito feliz por contar com ele. Além disso, ele tem um grande futuro pela frente”, disse Havertz.

Estatísticas de Havertz (SofaScore)

O atleta alemão acertou três passes longos em três tentativas. Além disso, Havertz somou 86% de aproveitamento de passes (36/42). Havertz venceu cinco dos nove duelos no chão e dois dos três duelos terrestres. Por fim, o atleta do Chelsea computou 74 minutos de jogo, 59 toques na bolas e três passes decisivos no jogo.

Category: Competições

Tags:

Article by: João Vitor Marcondes

Taubateano e jornalista.