premier_league_logo_before_after

Três tópicos e tudo de novo: a Premier League está de volta!

Vai começar! Foram exatos dois meses sem Premier League, com Eurocopa, Jogos Olímpicos e muita Olimpíada no caminho. Contudo, a espera terminou. Depois de uma temporada melancólica, os ânimos estão mais renovados do que nunca.

Ao longo da semana, a equipe do Chelsea Brasil fez diversos especiais, espetaculares diga-se de passagem. sobre o Chelsea. Todos com informações e análises detalhadas sobre o time de Antonio Conte na temporada 2016/2017 – confira o melhor guia sobre o Chelsea em português clicando aqui. Durante a temporada, você já sabe: a cobertura mais completa e profunda só é encontrada aqui, com pré e pós-jogos, GringOL de volta e muito mais.

Antes de desejar boa sorte pra nós nesta temporada, enumero três pontos que devem prender a nossa atenção no duelo de amanhã:

1) Estreia oficial do 4-2-4

4-2-4

O esquema treinado durante toda a pré-temporada deve marcar presença na estreia dos blues na Premier League. É possível que a escalação seja Courtois; Ivanovic, Cahill, Terry, Azpilicueta (Aina); Kanté (Matic), Fàbregas (Oscar); Willian, Batshuayi (Loftus-Cheek), Costa e Hazard. Vai valer a pena observar como o esquema funcionará na liga mais disputada do planeta.

Pelo lado do West Ham, será curioso ver se Payet manterá o forte nível do último campeonato em que ele quase levou os Hammers à Champions League. Com isso, é mais do que necessário um encaixe coerente e correto na marcação, afinal: Premier League não é pré-temporada.

2) Possível titularidade de Kanté

A contratação mais comemorada no verão europeu deve ser titular na estreia da equipe de Conte. É apenas um volante, contudo, a sua dinâmica fará a diferença no meio de campo azul. Será dele e de Fàbregas, provavelmente, a responsabilidade no início da construção das jogadas. Quem não se lembra do atual campeão Leicester controlando o jogo ao seu estilo na maioria das partidas da última temporada? Um dos responsáveis foi esse francês. O vídeo abaixo mostra com dados o tamanho de N’Golo Kanté.

3) Aproveitamentos de Loftus-Cheek e Aina

Pela primeira vez, existe a expectativa de um aproveitamento maior da base blue na atual temporada. Na pré-temporada, Aina e Loftus-Cheek foram os jogadores que se destacaram mais, e não seria surpreendente se um deles começasse a partida como titular. Como já foi falado, vale a aposta em Aina, com Ivanovic indo para a zaga. Todavia, fica o mistério e a ansiedade pela escalação dos Blues no novo campeonato inglês.

O resumo da pré-temporada de Aina pode ser visto no abaixo.

Uma boa sorte para a nova temporada, vamos juntos!

C’mon Chelsea!

As palavras neste texto condizem com a opinião do autor, não tendo qualquer relação com o Chelsea Brasil.

Compartilhe

Comments

Category: Colunistas

Tags: