O começo do novo Chelsea

O Chelsea fez, neste sábado, sua melhor partida na temporada. Com uma atuação coletiva perfeita e o show de Eden Hazard, os Blues golearam o Everton por 5 a 0. No entanto, este é apenas o começo da revolução. Antonio Conte está muito interessado na reconstrução do elenco para dar continuidade ao impressionante início da temporada e se manter na briga pelo título até o fim.

De acordo com Express, Roman Abramovich está muito satisfeito com o italiano e está disposto a financiar ofertas multimilionárias para garantir contratações de peso. Esta semana analisaremos três jogadores que podem estar de saída em janeiro para abrir espaço no ‘novo Chelsea’.

Oscar e Fàbregas podem estar de saída em janeiro, abrindo espaço para possíveis contratações (Foto: Squawka)

Oscar

Eu sou um grande admirador do brasileiro, mas ele sempre foi uma constante fonte de frustração. Após sua impressionante passagem no Internacional, ele estava destinado a brilhar com o nosso manto. Quando ele marcou o famoso gol contra a Juventus, que coincidentemente estava sob o mando de Antonio Conte na época, a torcida se apaixonou por ele.

Infelizmente, Oscar mostrou um futebol inconsistente que não correspondeu às expectativas. Com o 3-4-3 do Conte, ele perdeu a titularidade e o seu futuro parece estar longe de Londres. Este talvez é o melhor momento para ele alcançar todo seu potencial em algum outro lugar.

Cesc Fàbregas

Na verdade, o declínio do Fàbregas vem se desenrolando à frente dos nossos olhos há algum tempo, lembrando os problemas que Wayne Rooney está tendo no Manchester United. Como o ídolo inglês, o espanhol tem jogado intensamente a nível nacional e internacional desde os 16 anos. Porém, tudo isto finalmente está cobrando o seu preço.

Fàbregas é a principal vítima da nova formação, principalmente por que Eden Hazard está consolidando sua posição como um dos melhores jogadores do mundo. Além disso, o fato que Nathaniel Chalobah e Ruben Loftus-Cheek finalmente vem recebendo oportunidades para mostrar seus talentos é um mau presságio para o futuro do espanhol.

Com o West Ham interessado na sua contratação por empréstimo, parece que chegou a hora de dizer adeus.

Branislav Ivanović

Não há nenhuma dúvida que o sérvio conquistou status de ídolo no Chelsea à custa de muitos gols e uma garra de leão. Durante seus nove anos no clube, ele tem sido integral para tudo que conquistamos, mas muitos dos seus críticos parecem ter esquecido disso.

Com o seu contrato expirando no fim da temporada e progressiva queda em rendimento com o passar dos anos, parece que ele vai deixar o clube em janeiro ou no verão seguinte. Quando ele sair, certamente ele nunca será esquecido.

As palavras no texto condizem com a opinião do autor, não tendo qualquer relação com o Chelsea Brasil.

Compartilhe

Comments

Category: Colunistas

Tags: