Belga vê mais dificuldades na atual temporada, jogando como o campeão (Foto: SKY Sports)

Na torcida por Hazard

Tido como um dos grandes responsáveis pela demissão de José Mourinho, o belga Eden Hazard, que não é nem sombra do jogador que atuou na temporada passada, deve voltar ao time na próxima partida. Mostrando mais vontade desde que retornou de lesão e tendo finalmente marcado seu primeiro gol na temporada, o jogador parece estar recuperando sua forma física e técnica, algo que é fundamental para quaisquer pretensões do Chelsea.

Algumas atitudes do belga nos últimos dias revelam um jogador diferente do que vinha sendo criticado constantemente nesta temporada. Primeiramente, o beijo no escudo na partida contra o MK Dons demonstrou respeito e gratidão do jogador ao clube, diminuindo drasticamente a força das especulações de uma transferência para outra equipe; e posteriormente a revelação de um pedido de desculpas ao treinador José Mourinho mostraram uma faceta mais madura do craque azul – sim, craque.

“Eu lhe mandei a mensagem para dizer que eu sentia muito por ele tinha ido embora e… bem… só que eu sentia muito. Nós desfrutamos todo aquele sucesso juntos na temporada passada, mas agora não conseguimos. Me sinto um pouco culpado, porque eu fui o jogador do ano. Eu fui um dos jogadores mais decisivos, e este ano eu joguei pior. Não estive no mesmo nível, então enviei esse texto ao José e ele me respondeu, desejando-me todo o melhor para o futuro”, disse Hazard ao The Guardian.

Os dribles, gols, movimentações e assistências de Eden Hazard têm feito muita falta aos Blues. Em um momento em que Willian joga um futebol excepcional e Diego Costa, Cesc Fàbregas, Oscar e Nemanja Matic dão mostras de recuperação de sua forma, o retorno de um Hazard disposto a dar seu máximo pode ser fundamental e vem em boa hora, pouco antes da volta da UEFA Champions League.

Embora o time não venha conseguindo escapar das manchetes polêmicas que criam instabilidade – com a mais recente sendo a controvérsia em torno da renovação de John Terry – o momento pede tranquilidade e positividade. Como vem ressaltando Guus Hiddink, o time está a cada dia mais estável e é nesse contexto que Hazard, o jogador mais talentoso do time, retorna.

Contra o Manchester United, o camisa 10 terá uma oportunidade de recomeçar e diante de suas últimas reações merece todo o apoio dos torcedores azuis. Dentro do campo ele já mostrou seu valor incontáveis vezes. A despeito de um desempenho fraco nesta temporada, seus números no Chelsea seguem sendo respeitáveis.

Diante disso, buscando o melhor interesse do Chelsea, a satisfação de seus torcedores, a recuperação na temporada, e até mesmo pensando o futebol de forma ampla, seria muito bom que Hazard voltasse a encantar e para isso é sempre positivo contar com o apoio de todos.

Por isso, desejo toda a sorte ao belga – lembrando que o mesmo já marcou três vezes contra o Manchester United!

As palavras contidas nessa reportagem condizem à opinião do autor, não tendo qualquer relação com o Chelsea Brasil

Compartilhe

Comments

Category: Colunistas

Tags: