Zouma deve suprir a lacuna deixada por Ivanovic na direita (Foto: John Walton/PA)

Colunas: Zouma na lateral direita, Mourinho?

Zouma deve suprir a lacuna deixada por Ivanovic na direita (Foto: John Walton/PA)
Zouma deve suprir a lacuna deixada por Ivanovic na direita (Foto: John Walton/PA)

É absolutamente desnecessário ficar lembrando o quão ruim vem sendo o desempenho defensivo do Chelsea na presente temporada. Pilares celebrados em tempos recentes, Branislav Ivanovic e John Terry vivem mal momento e Gary Cahill voltou a provocar calafrios no torcedor. Diante disso, há no entanto duas notícias boas: a regularidade de César Azpilicueta e a evolução de Kurt Zouma.

No que concerne ao jovem zagueiro francês é indiscutível o fato de que atualmente seu desempenho é o melhor dentre o das três opções de zaga de que José Mourinho dispõe (desconsiderando o senegalês Papy Djilobodji, cuja contratação o português não pediu e que não vem sendo usada). Embora seja menos eficiente nos passes que seus companheiros, o garoto é mais combativo e eficaz quando chamado às disputas de bola com os adversários.

Rápido, Zouma tem mostrado inclusive uma capacidade rara de recuperação e uma tranquilidade para se livrar de ações de grande perigo incomum aos beques de sua idade. Essas qualidades fazem dele uma peça muito importante para o elenco, uma vez que o capacitam a atuar em outras posições, como pelas laterais e na contenção, como volante. Exercendo estes papeis, o francês já mostrou eficiência, mas não a mesma vista quando atua em sua função preferencial, na defesa central.

Comparativo mostra bom desempenho de Zouma (Foto: Squawka)
Comparativo mostra bom desempenho de Zouma (Foto: Squawka)

Diante disso e da lesão do criticadíssimo Branislav Ivanovic, que deve desfalcar o Chelsea por três semanas – para alívio de muitos torcedores que já não suportavam ver o time ser constante envolvido pela faixa do sérvio –, José Mourinho parece estar predisposto a optar pelo improviso, preterindo a opção óbvia. Ao invés de trazer Azpilicueta de volta para a sua função e lançar o ganês Baba Rahman pelo flanco canhoto, a imprensa britânica tem alardeado que o Special One optará por Zouma na direita, mantendo Azpi na faixa esquerda.

Caso o time estivesse vivendo dias de riqueza de bons resultados, esta escolha jamais seria alvo de questionamento, uma vez que Zouma tem qualidades para jogar pelo setor. Não obstante, não é esse o caso atual, de forma que é sim possível discutir essa possibilidade. Será que vale a pena fazer uma opção mais conservadora, protegendo mais a lateral direita, mas, ao mesmo tempo, tirando do coração da defesa seu maior destaque?

É certo que com o francês na ala direita o time ficará mais resguardado, mas e a zaga? Terry e Cahill vêm jogando mal constantemente e a opção pela dupla inglesa pode não ser a mais sábia intentada por Mourinho. Além disso, sendo possível não fazer improvisos, por que fazê-los?

O próprio treinador dos Blues já assumiu que a melhor posição de Zouma é na zaga, então porque seguir utilizando-o em outras funções, sem necessidade? Azpilicueta é um marcador seguro que poderia tranquilamente cobrir o setor. Quanto à esquerda, qual a explicação para a contratação de Rahman se quando há oportunidade cristalina de escalá-lo Mourinho não o faz?

O argumento usado por Mourinho para refutar a utilização do ala ganês é o de que, com Rahman, o time perde em estatura e se torna mais vulnerável no jogo aéreo, o que não parece se justificar, uma vez que mesmo com Ivanovic o time vem tendo desempenho ruim neste tipo de jogada. No momento, o Chelsea é o time da Premier League que mais sofreu gols de cabeça, com cinco. Como comparação, em 2014-2015, esse número foi de apenas seis em toda a competição.

É possível que Zouma realmente faça um bom papel na lateral direita, mas diante do quadro recente de atuações do time, ele tem se mostrado mais necessário no miolo de zaga. Para todos os efeitos, Mourinho conhece bem seus jogadores e tem qualidades comprovadas, o que não tira o nosso desejo de uma explicação melhor para essa possível escolha…

As palavras contidas nessa reportagem condizem à opinião do autor, não tendo qualquer relação com o Chelsea Brasil

Compartilhe

Comments

Category: Colunistas

Tags: