Colunas: A (im)possiblidade do Chelsea ser campeão na temporada 2013-2014

(Foto: Reprodução/Web)

Com a proximidade da trigésima primeira rodada no derby de Londres, será que estatisticamente o Chelsea terá condições de vencer a Premier League?  De acordo com José Mourinho, é impossível que o Chelsea seja campeão por não possuir um goleador (Não, não é possível (ser campeão do Campeonato Inglês). Não temos um goleador”.)

Será que o Special One falou isto devido a escassez de gols que deveriam ser proporcionados pelos atacantes, ou falou embasado nas estatísticas das últimas conquistas do Campeonato Inglês?

Em sua primeira passagem pelo Chelsea (2004-2005), onde fomos campeão pela segunda vez (a primeira foi em 1907-1908), nosso maior artilheiro foi Frank Lampard com 13 gols.  Nossos atacantes à época Didier Drogba (12 gols), Eidur Gudjohnsen (13 gols) e Mateja Kezman (4 gols), totalizaram um total de 29 gols, de um total de 72 na temporada, ou seja, pouco mais de 40% dos gols na Premier League vieram através dos atacantes.

Já na temporada 2005-06, onde alcançamos nosso bicampeonato, novamente não tivemos uma boa performance de nossos atacantes.  Hernán Crespo (10 gols), Didier Drogba (12 gols) e Eidur Gudjohnsen (2 gols), totalizaram 24 gols com um total de 72 (os mesmos da temporada anterior), ou seja míseros 33% do total de gols.  E, quem você acha que foi o artilheiro do Chelsea na Premier League?  Novamente ele: Super Frank Lampard, agora com 16 gols.

Ou seja, em suas duas temporadas, José Mourinho foi bicampeão da Premier League, sem a ajuda de quem tem a obrigação de fazer gols, ou seja, atacantes.

E nesta temporada?  A performance de nossos atacantes, é a mesma das temporadas 2004-2005 e 2005-2006?

Excluindo Andre Schürrle, que não pode se dizer que seja um centro-avante de ofício e possui 6 gols, Samuel Eto’o (7 Gols), Demba Ba (3 Gols) e Fernando Torres (4 gols), totalizam míseros 14 gols, de um total de 56 que o Chelsea já fez nesta temporada, exatos 25% do total.  Muito abaixo dos 40% e 33% das temporadas anteriores.

Como coincidência positiva, temos Eden Hazard artilheiro do Chelsea na competição com 13 gols.  A melhor defesa do campeonato, com 23 gols sofridos em 30 jogos (média de 0,76 gols por partida), onde em 13 jogos (7 em casa e 6 fora), sequer sofremos gol.

Nossos concorrentes, são o Liverpool, que vem de várias vitórias seguidas e o Arsenal, onde, ao alcançarmos uma vitória no próximo sábado, pode nos deixar em uma situação muito confortável.  Além de abrir 7 pontos de diferença (o Arsenal tem um jogo a menos), faria com que o jogo do dia 29/03 entre Arsenal e Manchester City no Emirates Stadium, seja de vida ou morte para o time de Holloway – Londres.

E é claro, nosso real concorrente, o Mancheste City, que, em uma única semana, conseguiu ser desclassificado da FA Cup e da Uefa Champions League.

E você, torcedor dos Blues, acredita que Mourinho está correto em sua profecia, ou não ?

As palavras contidas nessa reportagem condizem à opinião do autor, não tendo qualquer relação com o Chelsea Brasil.

Category: Opinião

Tags:

Article by: Dalton Gerth

Torcedor do Chelsea desde a época em que Vialli era técnico E jogador, advogado e estudante de licenciatura em Matemática.