Chelsea e West Ham, Sub-18 e Hudson-Odoi - Chelsea Brasil

Chelsea e West Ham, Sub-18 e Hudson-Odoi

Antes de expor os tópicos desta coluna, exaltemos o nome de Ray Wilkins. Uma lenda do Chelsea Football Club e do futebol inglês. Um futebolista que será sempre lembrado por onde prestou serviços: Chelsea, Manchester United, Milan, PSG, Rangers, QPR, Crystal Palace e tantos outros. 

Chelsea x West Ham: Dérbi londrino e dominical entre Pensioners e Hammers. O duelo promove o encontro entre o Chelsea, time que está oito pontos atrás do quarto colocado Tottenham e cinco pontos na frente do sexto na tabela, o Arsenal. E o West Ham, selecionado que está 18 pontos atrás de uma vaga nas competições internacionais e cinco pontos na frente da zona de rebaixamento. Os números demonstram bem que as equipes estão aquém do esperado para o ano de 2018, não é?

A tabela da Premier League se encerra daqui sete jogos e Antonio Conte ainda responde afirmações de jornalistas sobre a sua possível saída. Desta vez, o italiano replicou seu compatriota Gianlucca Vialli – que atuou e treinou o Chelsea. O jornalista afirmou que Conte “não vê a hora de sair” do time de Stamford Bridge e a réplica de Antonio apareceu ontem:

“Eu entendo, pois agora ele é um jornalista e tem que dar informações. Falar sobre minha situação. […] Eu fico desapontado por um lado, mas eu o respeito, afinal, ele é um jornalista e ele está fazendo o trabalho dele. Ele está tentando dar a opinião dele e essa é a opinião dele, mas não é minha opinião. As pessoas que estão próximas (dele) sabem muito bem sobre as minhas intenções 0 de ficar aqui, continuar meu trabalho aqui. Esta é a verdade. Vocês vão ver”, disse Conte em entrevista coletiva.

Sobre a equipe que deve enfrentar o West Ham, o Daily Mail informou que Luiz e Ampadu estão fora do jogo, ambos com problemas no tornozelo e Courtois fará um teste antes do jogo para saber se está apto para o embate. Acreditando que o arqueiro belga possa jogar amanhã, o time da Fulham Road deve atuar com: Courtois; Azpilicueta, Christensen e Rudiger; Zappacosta, Fàbregas, Kanté e Alonso; Willian, Morata e Hazard.

Obs: Morata marcou nas duas últimas partidas do Chelsea: contra Leicester e Tottenham. A última vez que ele marcou em três jogos seguidos foi em abril do ano passado, ainda pelo Real Madrid. Sobre o outro lado, Michail Antonio, Andy Carroll, Sam Byram, Winston Reid e Pedro Obiang não jogam pelo West Ham.

Sub-18: No sábado (07/04), o Chelsea sub-18 venceu o Southampton sub-18 por 4 a 0, gols de Uwakwe, Taylor-Crossdale, Anjorin e Guehi. Com esse resultado, a equipe londrina pode garantir o título da Premier League Sub-18 (Divisão Sul) na próxima rodada. Vale lembrar que foi o 20º jogo com clean sheet do Chelsea na categoria de base e a diferença para o segundo colocado Arsenal está em 12 pontos (50 x 38).

O time do Chelsea entrou em campo com: Ziger; Lamptey, Lavinier, Guehi e Panzo; Gallagher, Uwakwe e Gilmour; Talyor-Crossdale, McEachran e Anjorin.

Com a derrota do Arsenal para o Leicester por 3 a 1, o Chelsea precisa apenas de um empate no próximo jogo da PL U18 para assegurar a conquista da Divisão Sul. Lembrando que o próximo jogo do Chelsea será o próprio Arsenal, no dia 10 de abril.

A reta final do Blues será composta por três jogos e três clássicos: Arsenal, West Ham e Tottenham. Caso o Chelsea consiga o título do Sul, a provável (veja bem, provável) final nacional será com o Manchester United.

Curtinha sobre Callum Hudson-Odoi: Suas aparições no time principal se justificam pelo desempenho na FA Youth Cup. O atleta marcou ou deu assistências nos últimos sete jogos da competição. Os registros de Hudson-Odoi apontam 11 jogos na FAYC, com nove gols e oito assistências. (via Chelsea Youth / Twitter)

A coluna do domingo passado

As palavras contidas nessa reportagem condizem à opinião do autor, não tendo qualquer relação com o Chelsea Brasil

Category: Opinião

Tags:

Article by: João Vitor Marcondes

Taubateano e jornalista.