Colunas: Grande possibilidade de dar Chelsea

Dois times fortes para a conquista desse troféu (Foto: ESPN)

Dois times fortes para a conquista desse troféu (Foto: ESPN)

Um abraço a todos que acompanham o Chelsea Brasil! E chegou a hora de Paris Saint-Germain e Chelsea se enfrentarem nesta terça-feira (17). Depois de uma semana de descanso e a notícia que o rival apresentará desfalques para a primeira partida, o Chelsea vai até ao Parc des Princes sabendo que a possibilidade de classificação está ampliada.

Lucas, Aurier e Cabaye estão fora do primeiro confronto. Matuidi e Marquinhos são dúvidas para o embate, mas não estão descartados. Jornais franceses veicularam que os desfalques – já confirmados – para o primeiro embate podem ficar de três a quatro semanas longe dos campos, o que tiraria também da segunda partida. Mourinho, que foi elogiado por Laurent Blanc recentemente, sabe que são pontos positivos e há armas dentro do elenco londrino que sabem explorar essas rupturas no time francês.

Entretanto, os times não são desconhecidos. Pelo contrário, o retrospecto recente de jogos deixa tudo mais claro para as comissões técnicas se estudarem e diminui a possibilidade de eventuais surpresas.

Vejo que o confronto entre ingleses e franceses está mais próximo de uma vitória, como 14 de setembro de 2004 (0x3), do que um tropeço assim como no último embate no Parc des Princes. Muito se deve aos fatores listados anteriormente, porém um outro ponto que pode ser adicionado é a qualidade do futebol apresentado pela equipe francesa. A derrota por 4 a 2 frente ao Bastia ainda marca o plantel parisiense e, para piorar, o empate contra o Caen na semana passada e a vice-liderança do Francesão são incômodos para um time baseado em investimentos e necessitado de resultados.

Diego Costa retorna ao clube de Stamford Bridge. O artilheiro do Campeonato Inglês e atual vice-campeão da UEFA Champions League é outra esperança de gols para a equipe de José Mourinho. Por falar em Costa e Mourinho, o entrosamento dos dois parece ser de longa data. Um líder dentro e outro fora de campo, pessoas que são apaixonadas por futebol e que colocam o coração, time e torcedores na ponta da chuteira. Diego Costa tem a cara do Chelsea e retorna em um momento crucial ao clube inglês: para a Champions League.

O que resta é esperar 17h45min chegar para ver quem dará o primeiro passo rumo às quartas de final do torneio continental mais famoso do planeta. E eu estarei no XI Encontro do Chelsea Brasil, acompanhando essa partida com a galera gente finíssima de Belo Horizonte.

#comeonchelsea

As palavras contidas nessa reportagem condizem à opinião do autor, não tendo qualquer relação com o Chelsea Brasil

João Vitor Marcondes

Taubateano e jornalista.