alonso-signs.img

Oficial: Chelsea anuncia lateral-esquerdo Marcos Alonso

O Chelsea Football Club terminou sua busca por um lateral-esquerdo e contratou em definitivo, hoje, o espanhol Marcos Alonso, que volta à Premier League, depois de duas temporadas como titular da Fiorentina. O jogador de 25 anos é o primeiro defensor contratado por Antonio Conte seguindo as contratações de um atacante, um meio-campista e um goleiro para a sua equipe. Alonso firmou acordo de cinco anos com os azuis de Londres, as cifras giram na casa dos 20 milhões de libras.

Em entrevista ao site oficial do Chelsea, Alonso disse suas primeiras palavras após se tornar um jogador dos Blues:

“Eu estou muito feliz. É um passo em frente na minha carreira e eu acho que este é o lugar perfeito para continuar a me desenvolver. É hora de eu ganhar alguns títulos. Foi uma decisão fácil de tomar quando ouvi que o clube estava interessado em me contratar. Minha família e amigos mais próximos sabem que o Chelsea é o clube que eu sempre sonhei em jogar e por isso estou realmente animado pelo desafio desafio e eu estou ansioso para trabalhar com meus novos companheiros de equipe.”

1472660996409

Alonso nasceu em Madrid e é filho e neto de antigos jogadores da Seleção Espanhola. Seu avô defendeu o Real Madrid por oito anos e venceu cinco Champions Leagues, enquanto seu pai defendeu o Barcelona por cinco temporadas. Alonso, o neto, começou sua carreira no Real Madrid, jogando pela base e pelo Castilla, antes de ser entregue uma primeira aparição principal por Manuel Pellegrini em abril de 2010.

No mesmo ano, ele se juntou Bolton Wanderers por dois milhões de euros, aos 19 anos de idade, e foi companheiro de equipe de Gary Cahill por um ano e meio antes do zagueiro inglês se transferir para o Chelsea. Alonso esteve no noroeste da Inglaterra por três temporadas, dois delas na Premier League, e fez 46 aparições, marcando cinco gols.

Em 2013, o atleta se mudou gratuitamente para a Fiorentina, onde jogou por seis meses antes de ser emprestado para o segundo semestre da campanha de 2013/14 para o Sunderland, a pedido do então treinador Gustavo Poyet, que selecionou o espanhol na final League Cup contra o Manchester City. Alonso também jogou na vitória do Sunderland em Stamford Bridge, que terminou o recorde de 77 jogos da liga invictos de José Mourinho em casa. Sua segunda passagem na Inglaterra foi de sucesso e o Sunderland tentou contratá-lo em definitivo, mas a Fiorentina o quis de volta. Na Itália, o defensor se estabeleceu como titular absoluto da equipe, tendo jogado como lateral-esquerdo, ala pelo mesmo lado e também como zagueiro em um sistema com três defensores, o que prova sua versatilidade, tanto ofensiva quanto defensiva. Ele deixa La Viola com 85 aparições e cinco gols marcados.

Compartilhe

Comments

Category: Mercado de Transferências

Tags: