3894f34700000578-0-image-a-4_1474391103494

Mikel admite que pode deixar o Chelsea: “Vou conversar com outros clubes em janeiro”

Após dez anos em Stamford Bridge, John Obi Mikel pode estar de mudança. Em recente entrevista, o nigeriano afirmou que deve procurar uma nova casa em janeiro, quando uma nova janela de transferências é aberta. Restando um ano para o fim de seu contrato, ele admite que irá procurar novos clubes enquanto o Chelsea não se pronuncia sobre a renovação do vínculo.

Mikel foi o capitão da seleção da Nigéria, medalha de bronze no futebol das Olimpíadas no Rio de Janeiro, neste ano. Entretanto, ele ainda não jogou oficialmente sob o comando de Antonio Conte, entre outros motivos, pela forte concorrência causada pela chegada de N’Golo Kante.

“Quando ainda está faltando um ano, você pode conversar com outros clubes em janeiro, para assinar um pré contrato ou mesmo chegar em um acordo. Então sim, vou falar com outros clubes porque nunca se sabe o que vai acontecer.” – afirmou o nigeriano ao site Goal.com

“Se for na Premier League, haverá opções. Se for na China ou em outro país, nós veremos. Uma coisa é certa: farei a melhor decisão.”

Mikel em campo na atual temporada, em que participou apenas dos primeiros amoistosos
Mikel em campo na atual temporada, em que participou apenas dos primeiros amoistosos

O volante nigeriano chegou ao Chelsea em 2006, após negar ter assinado um acordo feito anteriormente com o Manchester United. Com a camisa azul de Londres, foram 372 jogos, marca inferior apenas aos números do capitão John Terry no elenco atual. Por outro lado, foram simples seis gols e treze assistências. De qualquer forma, Mikel se diz acostumado com o trabalho no Chelsea, sua casa desde a adolescência.

“Estou aqui há muito, muito tempo. Passei mais de dez anos da minha vida neste clube. É a minha casa.”

Aos 29 anos, ele se diz tranquilo, porém realista quanto a sua situação no clube. Em um elenco com Kante, Fàbregas, Matic e Loftus-Cheek para a sua posição, a concorrência certamente não seria fácil. Em todo esse tempo, o volante conquistou os grandes troféus da história do Chelsea: a Premier League (duas vezes); a FA Cup (duas vezes); a Champions League e a Europa League (ambas uma vez).

Compartilhe

Comments

Category: Mercado de Transferências

Tags: