Situação de Pato no Chelsea continua incerta (Foto: Evening Standard/Reprodução)

Já? Chelsea considera cancelar empréstimo de Alexandre Pato

A vida não está fácil para Alexandre Pato. Com apenas nove jogos para demonstrar seu futebol, o que era um sonho está se tornando um pesadelo para o brasileiro. Tendo chegado em Londres no fim de janeiro e se preparado fisicamente, o camisa 11 blue ainda não jogou um minuto por seu novo time. E, ao que tudo indica, Pato não vestirá mesmo a camisa azul por mais tanto tempo.

Leia mais: Ibrahimovic no Chelsea representaria a recuperação do status perdido pelo clube nesta temporada

Segundo o Evening Standard, periódico inglês, o Chelsea está considerando cancelar o contrato de empréstimo de Alexandre Pato antes do final da temporada, acordo no qual o atacante recebe, atualmente, £30.000 por semana sem fazer uma única aparição desde completar o seu movimento vindo do Corinthians. O maior problema para o atleta de 26 anos é o atual técnico do time, Guus Hiddink, que sempre foi contrário a contratação de Alexandre.

Pato foi trazido para oferecer apoio ao ataque blue e revezar com Diego Costa, sendo também alternativa para Loic Rémy e Radamel Falcao, que lutam com lesões e falta de forma. Apesar do Chelsea incluir Pato em seu esquadrão para a disputa da Premier League e da Liga dos Campeões, Alexandre acabou sendo relacionado apenas duas vezes para os jogos do clube – ambos pelo campeonato inglês – contra Norwich e Stoke -, mas não saiu do banco de reservas.

Para piorar a situação de Pato, Hiddink confirmou que Bertrand Traore era outra opção à frente do brasileiro para o ataque do time. Mesmo com uma possível punição para Diego Costa por conta dos incidentes no jogo contra o Everton, no último sábado (12), pela FA Cup, entende-se que o interino holandês prefira usar Traore, Rémy ou ainda dar chance a Falcao, que vem treinando com o grupo depois de lesão que o tirou dos gramados por cinco meses.

A nebulosa negociação entre Chelsea, Pato e Corinthians parece estar chegando ao fim. E para os brasileiros envolvidos, o final deve ser melancólico, uma vez que Alexandre não quer voltar ao Timão e ainda busca permanecer na Europa e para o clube paulista, que deverá voltar a arcar com os altos salários do jogador a partir do meio do ano, com a possibilidade de perder o atleta sem ganhar um centavo, já que o contrato de Pato com o atual campeão brasileiro termina em dezembro.

Compartilhe

Comments

Category: Mercado de Transferências

Tags: