A 'novela' entre Stones, Everton e Chelsea acabou envolvendo mais um clube: o Barnsley

Apontado como parte do futuro do Everton, Stones pode ter sua venda ao Chelsea complicada pelo Barnsley

A 'novela' entre Stones, Everton e Chelsea acabou envolvendo mais um clube: o Barnsley
A ‘novela’ entre Stones, Everton e Chelsea acabou envolvendo mais um clube: o Barnsley

A busca do Chelsea pelo defensor John Stones acabou se complicando ainda mais por conta de uma cláusula em sem contrato, que prevê ganhos de cerca de £5 milhões ao Barnsley.

O clube da League One, a terceira divisão da Inglaterra, tem direito à 15% da transferência caso Stones deixe o Everton, devido à uma cláusula na sua negociação quando ele deixou Oakwell dois anos atrás, por £3 milhões.

O técnico dos Blues, José Mourinho, está ansioso em tirar o jovem de 21 anos de Goodison Park antes do fim da janela de transferências do verão europeu, que encerra-se no dia 31 deste mês. Ele acredita que o jogador já está pronto para fazer parte da equipe principal do Chelsea.

Até o momento, o Everton rejeitou três propostas do clube londrino, a última sendo de £30 milhões. Os Toffees, pelo menos publicamente, alegaram que o atleta não está à venda.

Agora, o Chelsea poderá fazer uma proposta na casa dos £40 milhões, mas será obrigado a repassar uma quantia ao Barnsely, que semana passada vendeu o promissor zagueiro Mason Holgate ao Everton por uma quantia não revelada.

Os Blues acreditam que a nova quantia a ser oferecida deve abalar o jovem Stones, fazendo com que ele peça a mudança ao técnico Roberto Martínez. Mourinho fez uma estratégia parecida dois anos atrás, quando tentou tirar o atacante Wayne Rooney do Manchester United.

Rooney acabou assinando um novo contrato com o United, porém Stones tem mais chances de deixar sua equipe por não se tratar de um clube que disputa títulos e que não participa com frequência das competições europeias.

Além do Chelsea deixar claro a intenção de compra com três propostas efetuadas, José Mourinho e o capitão John Terry falaram abertamente sobre sua admiração pelo jovem zagueiro inglês, fato que acabou irritando Martínez.

Caso Stones pressione por sua saída, o Everton pode pedir um dos jogadores do elenco dos Blues por empréstimo como parte da transação, estando disponíveis Juan Cuadrado, Victor Moses e Bertrand Traoré.

Steven Naismith afirma que Stones é parte do futuro do Everton

O atacante Steven Naismith, do Everton, enfatizou que o clube está pensando à frente e planejando um futuro com John Stones na equipe.

O escocês afirmou à Press Association Sport na última terça-feira:

“Nós definitivamente queremos que ele fique – ele é um cara e um futebolista fantástico, e um pilar na nossa equipe. Você quer que seus melhores jogadores estejam aqui com a esperança de continuar trazendo sucesso ao Everton.

Ele progrediu rapidamente nos últimos dois anos e queremos que ele continue assim sob a liderança do treinador e também de Phil Jagielka – eu tenho certeza que ‘Stonesey’ seria o primeiro a dizer que ele aprendeu muito com ele no dia a dia.”

Perguntado se os Toffees poderiam repor a ausência de Stones indo ao mercado, Naismith disse:

“Eu acho que a posição do clube sobre ele tem sido bastante simples e o treinador está contanto com ‘Stonesey’ na equipe. 

O treinador mencionou trazer mais três jogadores para fortalecer, e não acho que ninguém pensou em ‘Stonesey’ saindo.

John tem feito seu dia a dia no treinamento de uma forma muito profissional. Depois ele tem levado isso aos jogos, porque ele tem sido um dos jogadores mais fortes da equipe desde o início da temporada.”

Compartilhe

Comments

Category: Mercado de Transferências

Tags: