Após recusa de Kepa sair jogador poderá ir para a reserva

No jogo do Chelsea do último domingo Maurizio Sarri, treinador do time, escolheu por colocar o goleiro reserva, Caballero, porém Kepa se recusou a sair de campo. O resultado do jogo foi a vitória do Manchester City na final da Taça da Liga nos pênaltis. Quem gosta de vencer aposta no Código Bônus Bet365 2019

A recusa de se retirar de campo por parte do jogador espanhol deixou o seu treinador visivelmente irritado. Kepa até mesmo conseguiu defender um dos pênaltis, porém não teve um rendimento bom o suficiente para salvar o jogo.

SOBRE A POLÊMICA

Kepa estava se queixando, durante o jogo de domingo, de problemas físicos. Por este motivo, Sarri havia escolhido substitui-lo por Caballero, que costuma ter um bom histórico em defesa de pênaltis. O goleiro titular, entretanto, se recusou a se retirar, causando tamanha comoção que até mesmo o árbitro envolveu-se na situação, indo conversar com o treinador para entender o que estava acontecendo.

A recusa de Kepa de ser substituído causou tamanho transtorno ao seu treinador que Sarri chegou a sair de campo por alguns momentos. Após o jogo, entretanto, Sarri alegou ter acontecido apenas uma falta de comunicação.

SOBRE A PUNIÇÃO DE KEPA

Apesar do que alegou o treinador em entrevista pós jogo, após sua atitude de desrespeito, ignorando a decisão de Sarri na final da Copa da Liga Inglesa, Kepa foi punido pelo clube do Chelsea nesta segunda-feira. O jogador recebeu uma punição de uma semana de salário, que deverá ser doado para uma instituição de caridade.

Além disso, Sarri informou nesta terça-feira que Kepa pode também acabar por perdeu seu posto de titular na equipe do Chelsea, que jogará contra o Tottenham hoje, no Stanford Bridge, pela 28ª rodada do Campeonato Inglês.

O QUE PENSA O JOGADOR

Kepa mostrou-se arrependido de suas atitudes após o jogo de domingo. Na terça-feira, dia 26 de fevereiro, o mesmo afirmou que o que havia acontecido teria sido um mal entendido, porém confessou que cometeu um erro na forma que lidou com a situação.

O jogador manifestou-se pedindo desculpas para seu treinador, os outros jogadores e ao clube do Chelsea. Também pediu desculpas para os torcedores do time, afirmando que iria aprender com seu erro e aceitar quaisquer punições que o clube achasse necessário.

O QUE PENSA O TREINADOR

Nesta segunda-feira Sarri contou ter conversado com o jogador e afirmou que era o clube que deveria decidir sobre sua punição. Apesar disso, parece ter mudado de opinião, pois no dia seguinte o mesmo contou em entrevista que poderá aplicar uma punição ao jogador ele mesmo, com sua retirada do time titular.

Sarri explicou que isso é devido ao seu desejo de enviar uma mensagem a todos os jogadores. Conta, inclusive, que por ter sido uma situação muito inesperada o próprio time não soube como agir no momento, tendo o capitão do mesmo conversado com Sarri e com Kepa após a partida.

Chelsea Brasil

Somos o Chelsea Brasil, marca oficialmente reconhecida pelo Chelsea no Brasil e especializado em conteúdos e na comunidade de torcedores do Chelsea no Brasil.