Watford atropela e Chelsea sofre a segunda derrota consecutiva na Premier League

Em uma partida desastrosa por parte dos comandados de Antonio Conte nesta segunda-feira (05), o Chelsea não aguentou a pressão e sucumbiu diante do Watford, no Vicarage Road. Com gols de Hazard pelos Blues, e de Deeney, Janmaat, Deulofeu e Pereyra pela equipe da casa, o revés foi concretizado pelo placar de 4 a 1, o que mantém os londrinos na quarta colocação da Premier League.

A derrota já é a segunda consecutiva do Chelsea pelo campeonato inglês, e com a aproximação das partidas contra o Barcelona pela Uefa Champions League, a situação de Conte como comandante da equipe fica cada vez mais delicada.

Chelsea faz um primeiro tempo apático

Com um jogador a menos ainda no primeiro tempo, o Chelsea se defendeu bem, mas acabou sofrendo um gol de pênalti, deixando o campo com 1 a 0 no placar (Foto: Michael Regan/Getty Images)

Com uma escalação inusitada, o Chelsea iniciou a partida um tanto cauteloso, e acabou vendo o Watford criar os primeiros lances de ataque do jogo. Aos oito minutos, o camisa 7, Gerard Deulofeu arrancou pelo lado direito do campo dos Blues e chutou por fora da rede, assustando a torcida visitante.

Em resposta, o Chelsea chegou ao seu primeiro lance ofensivo com Willian. O brasileiro, recém-recuperado de uma lesão , bateu na direção do gol defendido por Karnezis após um bom passe de Victor Moses, mas acabou mandando a bola por cima do gol.

A sequência da partida, porém, mostrou um Watford mais ofensivo diante de um visitante atuando recuado na maior parte do tempo. Com dificuldades para sair atacando, as falhas de marcação do Chelsea se tornara mais evidentes, especialmente com Tiemoué Bakayoko, que teve uma atuação muito abaixo da média até a expulsão pelas faltas e Capoue e Richarlison.

Com um jogador a menos a partir do minuto 30, Conte teve de realizar a primeira alteração da partida, mandando a campo Cesc Fàbregas no lugar de Willian. O meia espanhol passou a ocupar a vaga deixada por Bakayoko, fazendo companhia à Kanté.

A dupla no entanto, não pode ajudar a deter mais uma vez o ataque do Watford com Deulofeu, que foi parado por uma falta de Courtois dentro da área dos Blues. Na cobrança do pênalti, Troy Deeney abriu o placar para a equipe da casa, e mesmo com os dois minutos acrescentado à primeira etapa, o Chelsea não conseguiu criar novos lances de perigo.

Os Blues tentam reagir, mas são atropelados pela equipe da casa

Os Blues chegaram a empatar a partida na segunda etapa, mas o Watford não perdoou e, nos minutos finais, atropelou a equipe da capital inglesa (Foto: Getty Images)

No retorno para o segundo tempo, a torcida do Chelsea continuava cantando para incentivar a equipe à plenos pulmões, o que pareceu surtir efeito durante alguns minutos. Os Blues passaram a ter maior domínio da posse de bola, pressionando o Watford na tentativa de buscar o empate, apesar de pouco chegar à meta adversária.

Em mais uma falha de saída de bola do setor defensivo, no entanto, o Watford criou outra grande oportunidade, quase ampliando a vantagem no placar.

Diferente do primeiro tempo, as oportunidades pareciam mais equilibradas entre as duas equipes apesar do resultado parcial, e com a melhora de desempenho – além da participação de Olivier Giroud, que criou boa oportunidade em seu primeiro lance – o Chelsea chegou ao empate no Vicarage Road. Aos 82′, Eden Hazard chutou com firmeza em direção à meta adversária, marcando um belíssimo tento pela equipe de Londres.

Mas, para a infelicidade dos Blues, a alegria durou pouco. Aos 84 minutos, o holandês Daryl Janmaat fez o segundo gol do Watford, colocando os Hornets a frete novamente. Os londrinos ainda tentou reagir, mantendo a pressão sobre a equipe adversária como instantes anteriores, mas após o terceiro gol, marcado por Deulofeu aos 88′, o Chelsea ficou completamente entregue em campo. Antes do apito final, Roberto Pereyra, que substituiu Richarlison no segundo tempo ainda deixou sua marca, concretizando a decepcionante derrota por 4 a 1 para a equipe de Stamford Bridge.

Ficha Técnica

Watford: Karnezis; Mariappa, Prödl, Holebas; Janmaat, Doucouré, Capoue, Zeegelaar; Deulofeu (Carrillo 89′), Deeney (Gray 93′), Richarlison (Roberto Pereyra 37′).

Reservas não-utilizados: Bachmann (GK), Mukena, Ndong, Lukebakio.

Chelsea: Courtois; Azpilicueta, David Luiz, Cahill; Moses, Bakayoko, Kante, Zappacosta; Willian (Fàbregas 34′), Hazard, Pedro (Giroud 64′).

Reservas não-utilizados: Caballero, Rudiger, Emerson, Drinkwater, Hudson-Odoi.

Gols: Deeney 42′, Janmaat 84′, Deulofeu 88′, Pereyra 90+1′ (WAT), Hazard 82′.

Cartões Amarelos: Bakayoko 25′, David Luiz 58′, Fàbregas 62′ (CHE), Richarlison 45′, Sebastian Prödl 50′ (WAT).

Cartões Vermelhos: Bakayoko 30′.

Estádio: Vicarage Road, Watford

Category: Competições

Tags:

Article by: Gabriela Bustamante

Estudante de jornalismo, 20 anos, apaixonada pelo Chelsea. A mulher que chora quando pensa naquele Barcelona 2x2 Chelsea no Camp Nou, em 2012.