Pela Copa da Liga Inglesa, Chelsea enfrenta o Bournemouth em Stamford Bridge

Para conquistar vaga nas semifinais da Carabao Cup nesta quarta-feira (20), o Chelsea receberá em Stamford Bridge a equipe do Bournemouth. A partida tem início marcado para as 17h45 (horário de Brasília) e será transmitida ao vivo pela ESPN +.

Você também poderá acompanhar minuto a minuto do confronto que marca as quartas-de-final da competição pelo twitter, no @ChelseaFC_pt.

Desfalques e possíveis mudanças por parte de Conte

Responsável pelo gol que decretou a vitória sobre o Southampton no último fim de semana pela Premier League, Marcos Alonso não estará disponível para a partida desta quarta-feira. O lateral recebeu seu quinto cartão amarelo no sábado, sendo suspenso automaticamente. Além dele, David Luiz também segue fora da lista de relacionados para o confronto, ainda se recuperando da lesão no joelho e, segundo Antonio Conte, sem prazo para retornar.

Com a extensa sequência de jogos do mês de dezembro, é possível que alguns reservas e jovens da base ganhem uma nova oportunidade na partida contra o Bournemouth. Kenedy, por exemplo, é presença confirmada pelo treinador italiano, substituindo Alonso na lateral.

Michy Batshuayi, Callum Hudson-Odoi, Dujon Sterling, Michy Batshuayi e Ethan Ampadu – jovem da base que já realizou três jogos pela equipe profissional na temporada -, também estarão disponíveis e podem ser surpresas neste meio de semana.

Lesões comprometem o Bournemouth

Tendo compromisso marcado já no próximo domingo contra o Manchester City, o Bournemouth deve ir à campo nesta quarta-feira com uma série de modificações por parte do treinador Eddie Howe. Após a derrota por 4 a 0 para o Liverpool no último fim de semana, pela Premier League, e com o desafio complicado na próxima rodada, os Cherries – que possuem uma importante lista de desfalques -, devem aproveitar o confronto contra o Chelsea para promover a rotação da equipe.

Sem poder contar com Tyrone Mings – que foi desfalque no jogo contra o Liverpool -, o Boro ainda ficará sem dois de seus principais jogadores, Charlie Daniels e Josh King, que se lesionaram no confronto do último domingo, além do lateral Brad Smith.

A ausência de peças importantes deve fazer com que a equipe visitante se arrisque mais já que não terá nada a perder, podendo dificultar o avanço dos Blues na competição.

Prováveis Escalações

Chelsea (3-4-3): Caballero; Rüdiger, Christensen, Cahill; Zappacosta, Drinkwater, Ampadu, Kenedy; Pedro, Batshuayi, Willian.

Bournemouth (4-4-2): Begovic; Smith, S. Cook,Ake, Wiggins (Bradley Smith) ; Fraser, L. Cook, Surman, Stanislas; Stanislas, Defoe.

Entrevistas Pré-Jogo

Antonio Conte (Chelsea)

Com a substituição de Marcos Alonso por Kenedy na partida desta quarta-feira, o episódio da pré-temporada deste ano em que o jogador brasileiro foi acusado de xenofobia voltou mais uma vez à pauta da coletiva de Antonio Conte. O treinador, no entanto, não quis dar muita atenção ao assunto, afirmando que isso é passado e não deve influenciar ainda mais na carreira de seu atleta.

“Isso está no passado. Acontece, mas paramos aqui. O compromisso dele conosco foi perfeito, e eu acredito que essa seja uma razão importante para que ele faça parte de um jogo como esse”, afirmou.

“Eu tenho que confiar nos meus jogadores, não apenas com palavras mas com fatos, para mostrar minha confiança neles.”

“Toda competição é séria, nossa responsabilidade é de tentar vencer esse jogo, tentar alcançar as semifinais. Ao mesmo tempo, esse é o tipo de competição em que eu tenho que dar oportunidades aos meus jogadores que não estão atuando regularmente.”

“O Bournemouth é um bom time, e nós temos que estar preparados para lutar [pelo resultado]”, completou.

Eddie Howe (Bournemouth)

Assim como Conte, o técnico Eddie Howe também optou por promover a rotação de seus comandados na partida pela Carabao Cup. Mas ao contrário de seus adversários desta quarta, uma das maiores causas dessas modificações é a grande lista de atletas lesionados que tem os Cherries – e que tem crescido a cada partida.

“Há um certo número de modificações que eu tenho de fazer porque não quero ter ainda mais atletas lesionados”, afirmou Howe.

“Nós temos que ter a certeza de que saímos de Stamford Bridge nos sentindo bem com nós mesmos e tendo dado o nosso melhor.”

“Esse ano, as ‘equipes de ponta’ da Inglaterra tem sido absolutamente impecáveis. Claro que existirão momentos de queda, mas eles impuseram em conjunto seu domínio sobre as equipes menores”, completou.

Histórico Recente

Os confrontos entre Chelsea e Bournemouth são marcados pela larga vantagem dos Blues, que perderam apenas uma das últimas cinco partidas, ainda em 2015. Com outras quatro vitórias na conta, a equipe Londrina costuma aplicar placares elásticos em seu adversário.

Em três oportunidades, não saiu de campo com menos de 3 gols a seu favor, tendo conquistado um 3 a 1 fora de casa em abril deste ano, na campanha do título da Premier League na última temporada.

Curiosidades

  • Os Cherries não venceram nenhum de seus últimos 15 jogos fora de casa pela Copa da Liga contra oponentes de ‘alto nível’, tendo eliminado pela última vez o Blackburn na comeptição em setembro de 2004, nos pênaltis;
  • Michy Batshuayi marcou cinco gols em cinco jogos na Carabao Cup, incluindo um hat-trick contra o Nottingham Forest na terceira rodada deste ano.
  • Callum Wilson marcou em três de seus últimos quatro jogos da competição para Bournemouth;
  • Os Blues venceram sete de seus últimos oito jogos de Copa da liga em casa, marcando 24 gols no processo.

Category: Competições

Tags:

Article by: Gabriela Bustamante

Estudante de jornalismo, 20 anos, apaixonada pelo Chelsea. A mulher que chora quando pensa naquele Barcelona 2x2 Chelsea no Camp Nou, em 2012.