Chelsea busca permanecer líder do grupo C em partida contra Roma, pela Champions League

Nesta quarta-feira, 18, o Chelsea volta a disputar a fase de grupos da Champions League, dessa vez num encontro com o Roma. A partida é crucial por valer a liderança, já que o Chelsea se encontra na primeira posição com seis pontos e os italianos vêm colados com quatro.

O jogo acontecerá em Londres, na Stamford Bridge, a partir das 16h45 (horário de Brasília). Você pode acompanhar pelo EI Plus, ou em tempo real no nosso Twitter, @ChelseaBrasil.

Momento perfeito para se recuperar

Diferente da Premier League, o time vêm numa boa sequência pela Champions (Foto: Getty Images)

O Chelsea vem de duas derrotas na Premier League muito marcantes: uma contra o líder Manchester City, e outra do lanterna Crystal Palace. Esses resultados vêm pesando na confiança da torcida, portanto, uma vitória cairia muito bem no momento atual do Chelsea.

Falando sobre os jogadores, os titulares N’Golo Kante e Victor Moses não serão opção para Conte, ambos por conta de lesões. Porém, nem tudo é notícia ruim: Álvaro Morata voltou aos treinamentos depois de ter sentido um incômodo perna na semana passada, e pode fazer a diferença no ataque ou ser poupado para se recuperar melhor. Como Danny Drinkwater também continua no setor médico, o Chelsea deve jogar com Davide Zappacosta no lugar de Moses e David Luiz ou Andreas Christensen no setor defensivo.

Lesões são um obstáculo

Roma busca o primeiro lugar na fase de grupos (Foto: Getty Images)

Atualmente, Eusebio Di Francesco tem que lidar com a ausência de quatro jogadores:  Patrik Schick, Gregoire Defrel e Emerson Palmieri estão lesionados, assim como Kostas Manolas, que mais recentemente se juntou ao departamento médico por um problema na coxa. Porém, o atacante El Shaarawy está de volta.

Segundo o treinador, a questão física dos jogadores está sendo analisada com muito cuidado junto ao departamento médico, portanto as eventuais trocas nas partidas vão levar em conta a possibilidade de uma possível lesão por parte de cada atleta.

Prováveis escalações

Chelsea (3-4-3): Courtois; Luiz, Azpilicueta, Rudiger; Zappacosta, Bakayoko, Fabregas, Alonso; Hazard, Pedro, Batshuayi.

Roma (4-2-3-1): Alisson; Peres, Fazio, Jesus, Kolarov; De Rossi, Pellegrini; Florenzi, Nianggolan, Perotti; Dzeko.

Entrevistas Pré-jogo

Antonio Conte (Chelsea)

Entrevista começou mais cedo que o usual (Foto: Divulgação)

A coletiva iniciou com atualizações sobre o estado da lesão de Morata, que felizmente já voltou a treinar junto com os outros jogadores, e não há riscos ao escalá-lo para o jogo. O técnico também comentou que o descanso físico será essencial, pois o time está sempre contando com os mesmos jogadores, e alguns não estão acostumados a enfrentar três partidas seguidas.

“É uma boa hora para voltar a jogar. Depois de duas derrotas, jogar amanhã será muito importante. A Liga dos Campeões é um torneio muito complicado e precisamos ter atenção total porque a Roma é um time forte. Estão em grande momento no Italiano, empataram com o Atlético e venceram o Qarabag; eles vem organizados, mas estamos preparados para jogar.”

Eusebio Di Francesco (Roma)

Técnico comentou as diferenças que ele gostaria de ver na defesa do time (Foto: Divulgação)

Nos adversários, a discussão sobre lesões e condições físicas dos jogadores também estão em alta. Boa parte da entrevista, que aconteceu já em Londres, foi em cima desses tópicos. O treinador também contou que para ele a experiência, saber lidar com a pressão e ter concentração são qualidades importantes na estabilidade psicológica de um atleta, e junto com a qualidade técnica e física, forma um bom jogador.

“Eu quero uma abordagem diferente, comparada ao jogo contra o Napoli, porque sabemos que amanhã será um oponente diferente que também está motivado porque perdeu o último jogo da liga [inglesa]. Iremos enfrentar um conjunto diferente de desafios amanhã, e eu olho para minha equipe e é certo que teremos uma proposta diferente para o jogo e estaremos prontos.”

Fique de Olho

Edin Dzeko

Além da qualidade técnica, questões pessoais fazem jogador merecer destaque para a partida (foto: divulgação)

O atacante Edin Dzeko tem 31 anos, foi indicado para o Bola de Ouro e disse na última coletiva de imprensa que busca adicionar o Chelsea na lista de times que ele já marcou gol em sua carreira. A partida contra o Chelsea será seu centésimo jogo pela Roma, então é esperado uma motivação pessoal ainda maior do jogador em deixar sua marca nas redes londrinas. Perguntado o que significaria marcar um gol na partida, ele disse:

“[A possibilidade] definitivamente me motiva. Eu sempre quero marcar e ajudar o time. Porém, Chelsea é um dos melhores times que ainda não enfrentei e fiz gol, então com sorte eu possa concretizar isso amanhã, e darei o meu tudo para fazer isso acontecer.”

Histórico recente

Terry header ends Roma resistance
Terry balançou a rede em todas as partidas contra a Roma (foto: Getty images)

Os times só se enfrentaram duas vezes pela Champions League, ambos durante a fase de grupos de 2008. O primeiro encontro foi na Stamford Bridge, em que John Terry marcou o único gol da partida no segundo tempo e permitiu que o Chelsea abrisse vantagem de pontos no grupo A.

Na partida de volta, o então ex-Chelsea Christian Panucci abriu o placar para a Roma logo no primeiro tempo, seguido por dois gols lindos de Mirko Vučinić. No segundo tempo, John Terry marcou o gol de consolação após a partida frustrada. Esse seria a segunda derrota do time sob o comando de Luiz Felipe Scolari e a primeira de um time inglês naquela temporada da UEFA Champions League.

Curiosidades

  • Roma nunca ganhou uma partida na Inglaterra pela Champions League (dois empates e seis derrotas).
  • O Chelsea sempre terminou como primeiro lugar na fase de grupos após vender os dois primeiros jogos.
  • Roma levou gol nos últimos 22 jogos fora de casa pela Champions League.

Category: Competições

Tags:

Article by: Asnate Souza

Estudante de Relações Internacionais na USP, e atleta universitária de futsal e futebol americano. Na horas livres, estou assistindo jogos.