França vence Nigéria com gols no fim e está nas quartas

Foto: Getty Images

Os nigerianos se esforçaram, mas foram superados no segundo tempo (Foto: Getty Images)

Jogando no Estádio Mané Garrincha, em Brasília, nigerianos e franceses se enfrentaram pelas oitavas de final da Copa do Mundo. Os franceses venceram por 2-0, mas até a saída de Onazi por lesão, os africanos conseguiram igualar forças com os Bleus na partida.

Na Nigéria, a novidade foi a volta de Moses entre os titulares, após a lesão de Babatunde na última partida. Moses foi discreto mais uma vez, porém evitou uma chance clara de gol dos franceses quando o placar ainda estava zerado. Mikel fez ótima partida, ditando o ritmo do jogo e distribuindo vários passes, municiando o ataque das Super Águias. Omeruo jogou bem mais uma vez, anulando vários ataques dos franceses.

Equilíbrio e placar zerado no primeiro tempo

A primeira etapa começou com as duas equipes buscando o jogo, porém com poucas oportunidades de gol. A Nigéria procurava atacar com lançamentos longos, e após um cruzamento de Musa, Emenike mandou a bola para as redes, mas estava em posição de impedimento. Já a França buscava os ataques pelo lado direito, principalmente com Debuchy e Valbuena. Em um dos ataques da França, Valbuena cruzou para belo voleio de Pogba, forçando uma defesa de Enyeama. Ambas as zagas foram bem seguras no primeiro tempo, que não teve muitas emoções.

Franceses atacam muito, mas os gols saíram apenas no fim

O segundo tempo começou no mesmo ritmo do primeiro, com ambos os times atacando. A primeira chance foi aos 52 minutos: após boa jogada de Mikel, Ambrose cruzou para a pequena área mas Moses desperdiçou boa chance. No momento, apesar de jogar mais recuada, a seleção nigeriana estava melhor na partida e abusava dos contra-ataques, especialmente com Odemwingie e Emenike, oferecendo mais perigo ao gol de Lloris. Pouco depois, Matuidi deu uma entrada fortíssima em Onazi, forçando uma lesão ao nigeriano, que precisou sair de campo.

Após a saída de Onazi, que era peça fundamental no esquema das Super Águias, organizando o meio de campo ao lado de Mikel, a França passou a atacar mais, com os nigerianos avançando pouco. Aos 64 minutos, Odemwingie quase abriu o placar com um chute de fora da área. Cinco minutos depois, após belo passe para Benzema, o francês tocou na bola, que passou por Enyeama e foi milagrosamente salva por Moses perto da linha do gol. Pouco depois, após outro chute de Benzema, foi a vez de Mikel salvar os nigerianos, e na sequência da jogada Cabaye mandou um chute forte no travessão.

Pouco depois, após escanteio cobrado por Valbuena, Enyeama afastou mal a bola, que sobrou para Pogba, que cabeceou para o fundo das redes. O gol foi um baque na Nigéria, que apenas se defendia. Porém, já nos acréscimos, após mais um cruzamento de Valbuena, Griezmann dividiu a bola com Yobo, e o capitão da Nigéria fez gol contra. Nas quartas de final, a França espera o vencedor de Argélia x Alemanha. O duelo das quartas ocorrerá no dia 4 de julho, às 13:00, no Maracanã.

FRANÇA 2-0 NIGÉRIA

Local: Estádio Mané Garrincha, Brasília (DF)
Data:
30/06/2014
Horário: 13h (de Brasília)
Árbitro: Mark Geiger (EUA)
Assistentes: Mark Sean Hurd (EUA) e Joe Fletcher (CAN)
Cartões amarelos: 
Matuidi
Gols: Pogba 79′, Yobo (contra) 90′

FRANÇA: Lloris, Debuchy, Varane, Koscielny, Evra, Pogba, Cabaye, Matuidi, Valbuena (Sissoko 90′), Giroud (Griezmann 62′), Benzema. Treinador: Didier Deschamps

NIGÉRIA: Enyeama, Ambrose, Yobo, Oshaniwa, Omeruo, Musa, Onazi (Gabriel 59′), Mikel, Moses (Nwofor 89′), Odemwingie, Emenike. Treinador: Stephen Keshi

Durante toda a Copa do Mundo, o Chelsea Brasil fará a cobertura do torneio, informando, com o já conhecido empenho, o dia-a-dia dos jogadores dos Blues.

Luís Barbosa