match-report0-img

Sem alívio para Mourinho, Chelsea goleia United em Stamford Bridge

O Chelsea não se abalou e nem teve dó ao rever o treinador José Mourinho, agora comandando o rival Manchester United, e goleou os Red Devils na vitória de hoje por 4 a 0. Não só isso, a torcida também não teve pena do treinador português, cantando frases como “Você não é mais o Special One” e até “Amanhã você será demitido!

Novamente adotando a formação 3-4-3 e sem mudanças na escalação, Conte conseguiu mais uma vitória confortável, dominando a partida, além de contar com outro clean sheet, com todos os setores trabalhando de forma muito eficiente.

Primeiro tempo dos Blues, com dois gols marcados

Com incio de jogo dos Blues, provavelmente nem o mais otimista dos torcedores poderia imaginar um começo melhor: aos 31 segundos de jogo, Pedro abre o placar. Após um lançamento aparentemente despretensioso de Marcos Alonso, da lateral do meio de campo, Pedro foi mais esperto que a zaga do United, passando por trás e tirando De Gea da jogada, ficando com o gol livre para marcar com menos de um minuto de jogo.

Pedro surpreende aos 31 segundos de jogo para abrir o placar. (Foto: Chelsea FC)
Pedro surpreende aos 31 segundos de jogo para abrir o placar. (Foto: Chelsea FC)

Perto dos oito minutos, o Manchester chega pela primeira vez com perigo. Valencia chega com velocidade pela linha de fundo e cruza para Ibrahimovic cabecear da pequena área. Porém o atacante pega mal na bola, e a bola vai por cima.

O jogo seguiu bem equilibrado, com o jogo mais concentrado no meio de campo e com eventuais tentativas de ataque de ambos os times. No entanto, os Blues aplicavam maior pressão e demonstravam maior disposição nos duelos.

Aos 21 minutos, escanteio para o Chelsea. Após desvio na 1ª trave, a bola ainda desviou novamente em Herrera e sobrou para Cahill, livre, dar um voleio e anotar o segundo dos Blues, para delírio de Conte e da torcida.

Cahill marca o segundo para os Blues. (Foto: Chelsea FC)
Cahill marca o segundo para os Blues. (Foto: Chelsea FC)

Mesmo com dois gols de vantagem, o Chelsea manteve seu ritmo de jogo até o fim do 1º tempo, jogando de forma inteligente, buscando anular o Manchester e explorar os contra-ataques. E o time de Conte estava bem preparado para o jogo, com muitas roubadas de bola, e um sistema defensivo bem sólido.

No segundo tempo, Manchester não assusta, e Chelsea goleia com mais dois

O segundo tempo começou com a mesma intensidade do primeiro. Ambos os times com uma posse equilibrada, porém os blues com mais pressão e chegando com mais perigo, não se fechando em função do placar.

Porém, após os 50 minutos, o Manchester começou a dominar mais a partida, embora sem causar grandes sustos ao Chelsea.

Aos 55 minutos, o Manchester estava no ataque, mas Moses roubou a bola e puxou um rápido contra-ataque para os Blues. Próximo a área, o nigeriano tocou a bola para Hazard, mais aberto, que acabou chutando, mas travado por Blind.

Cinco minutos depois, após uma simples triangulação entre Hazard, Kanté e Matic, o belga recebeu a bola com grande espaço dentro da área. No um-contra-um, Hazard levou a melhor, puxando para a perna direita e batendo no canto esquerdo de De Gea para marcar o terceiro dos Blues.

Belga também deixou o dele no jogo de hoje. (Foto: Chelsea FC)
Belga também deixou o dele no jogo de hoje. (Foto: Chelsea FC)

Aos 69 minutos, Kanté avança com muito espaço até a grande área do Manchester, dá um corte seco em Rojo e sai cara a cara com De Gea, para marcar o quarto gol dos Blues, e o seu primeiro com a camisa do Chelsea, que foi muito comemorado por seus colegas de equipe.

O Manchester continuou sem esboçar grandes reações, chegando com perigo em alguns chutes de fora da área ou com cruzamentos na área, mas todos travados pela defesa, ou defendidos por Courtois, que, por sinal, fez defesas cruciais no jogo de hoje.

Confira os gols de Chelsea 4×0 Manchester United:

Ficha Técnica

Chelsea (3-4-3): Courtois; Azpilicueta, David Luiz, Cahill (c); Moses, Kante, Matic, Alonso; Pedro(Chalobah 71), Diego Costa (Batshuayi 77), Hazard (Willian 77).
Substitutos não utilizados: Begovic, Aina, Terry , Chalobah, Oscar.
Gols: Pedro 1, Cahill 20, Hazard 61, Kante 70
Cartão Amarelo: Pedro 1, David Luiz 40, Alonso 65

Manchester United (4-2-3-1): De Gea; Valencia, Smalling (c), Bailly, Blind; Herrera, Fellaini (Mata 45); Rashford, Pogba, Lingard (Martial 65); Ibrahimovic.
Substitutos não utilizados: Romero, Rojo, Darmian, Carrick, Young.
Cartão Amarelo 
Bailly 29, Pogba 74

Árbitro: Martin Atkinson
Público: 41.424

Compartilhe

Comments

Category: English Premier League

Tags: