antonio-conte-chelsea-rapid_3745930

Conte revela ansiedade para estreia no Chelsea e afirma: “Precisamos recuperar a confiança perdida!”

O novo treinador do Chelsea Antonio Conte inicia sua caminhada na Inglaterra oficialmente contra o West Ham, na segunda-feira e admite que apesar da temporada estar já começando, ele ainda trabalha em novas contratações, para construir um elenco que esteja nos moldes que ele espera para ser competitivo.

Antes de sua primeira entrevista coletiva da Premier League, Antonio Conte chegou sorrindo e brincando sobre o quanto ele gostou do ritual Inglês de tocar música alta antes dos jogos nos vestiários.  Porém, quando o assunto foi sua estreia na beira do campo em uma partida oficial, ainda em Stamford Bridge, o treinador adotou um ar sério e se disse pronto para estreia, apesar de admitir sua ansiedade.

O treinador azul disse que sua missão principal no momento é trabalhar para reconstruir a confiança abalada dos jogadores que passaram de campeões para candidatos ao rebaixamento na última temporada em poucos meses e acabaram a campanha exatamente no meio da tabela, sendo a pior colocação do Chelsea em mais de 20 anos.

Com um inglês já em boa forma, ele deu a entender certa frustração com as poucas contratações feitas até agora pelo clube, mas afirmou que em boa parte isto se deve pelo mercado de transferências “louco”, como ele mesmo chamou.

O treinador também ressaltou que deixará em Stamford Bridge a mesma paixão que demonstrou na Euro 2016 e em sua passagem pela Juventus. Conte afirmou também que o clima na pré-temporada é de felicidade, mas que o fracasso da última temporada do Chelsea deixa uma certa ansiedade em todos para o início da temporada. Além de admitir que o seu primeiro trabalho fora da Itália também lhe tira a tranquilidade:

“Eu não estou muito relaxado. Começar uma nova temporada é uma experiência fantástica, porque, para mim, esta é a primeira vez que comando uma nova equipe em uma nova liga em um novo país. É um desafio fantástico para mim. Por esta razão eu não estou tão relaxado. Eu sei que nós temos ainda muito trabalho para melhorar, mas já estamos pronto para começar e eu estou muito feliz de começar minha caminhada aqui.”

Conte assumiu a Juventus em situação similar a do Chelsea atual, uma vez que herdou uma equipe que havia terminado sétimo em 2010/2011. Seu impacto foi imediato e ele engatilhou três títulos italianos em três anos em Turim. O treinador afirmou que uma ressurreição semelhante é necessária no Stamford Bridge:

“Eu acho que na última temporada foi ruim para todos os jogadores e torcedores, mas agora é importante pensar para o presente. Eu sei que os jogadores são os mesmos que na última temporada, mas sei também que há dois anos estes mesmos jogadores ganharam o título. É importante encontrar a confiança certa, trazer de volta. Esta equipa perdeu a sua confiança durante uma má temporada. A atmosfera tem de mudar e a minha experiência como ex-jogador me ajuda a entender o caminho certo.”

O Chelsea neste mercado já assinou com Michy Batshuayi e N’Golo Kante, mas até agora não conseguiu outros alvos desejados por Conte, como o zagueiro Kalidou Koulibaly ou Romelu Lukaku, e outros que ainda não são públicos. O treinador admitiu certa ansiedade pelos novos nomes e afirmou que todos os dias se reúne com o clube sobre contratações:

“Eu falo todos os dias com o clube. Temos um plano. Sabemos que este mercado de transferências está  ‘muito louco’. É importante encontrar as soluções certas e melhorar a equipe.”

Conte e seus comandados estreiam na Premier League apenas na segunda-feira, contra o West Ham, em Stamford Bridge, no jogo que marca o fechamento da rodada inicial do torneio. A partida acontece as 16h, horário de Brasília, e contará com cobertura completa do Chelsea Brasil.

Compartilhe

Comments

Category: English Premier League

Tags: