winner-victor-moses-e1471983276496

Conte elogia desempenho de Moses e Marcos Alonso; treinador está tomando todas as decisões certas?

O técnico do Chelsea, Antonio Conte, elogiou a atuação de dois jogadores após a vitória contra o Hull City, fora de casa, na última partida da Premier League. Victor Moses e Marcos Alonso começaram como titulares, mudança que alterou a forma que o time jogou.

Moses voltou de empréstimo ao maior de Londres sem muitas expectativas, principalmente da torcida, mas, entrevista após entrevista, o manager italiano se mostrava cada vez mais impressionado com a disposição e vontade que o jogador apresentava nas sessões de treinamento. Definitivamente, o futebol de Moses melhorou e o nigeriano se tornou uma peça interessante de analisar, dentro e fora das quatro linhas, tanto pelos elogios de Conte, quanto pelo rendimento dentro de campo.

Nas palavras de Conte:

 “Moses jogou uma incrível partida em situações defensivas e ofensivas. É fantástico, porque ele está trabalhando muito duro. Ele mereceu jogar e ele me mostrou que minha escolha estava certa.”

“Pedro também pode jogar da mesma maneira, para dar a você a oportunidade de explorar o um contra um.”

O técnico sempre demonstrou preferência por jogadores que tem paixão pelo futebol e vontade de melhorar e este é, com toda a certeza, um grande motivo para que Moses volte a usar o manto azul. Porém, apenas a vontade pode suprir todos as qualidades necessárias para se tornar um jogador do Chelsea, ou o winger realmente merece a chance de estar no elenco, e mais, se tornar titular? Vale a reflexão.

O jogador espanhol, Marcos Alonso, também ganhou destaque na última partida, quando pelo flanco oposto ao do já citado, Victor Moses. O lateral, que entrou na posição do lado esquerdo, mas, no meio do campo, vêm ganhando confiança após boas atuações, mas, Conte afirma que ainda espera mais de Alonso.

Quando perguntado sobre o desempenho deste jogador, disse:

“Alonso jogou desta maneira na Fiorentina. Essa foi a estreia dele na Premier League [pelo Chelsea], mas, da mesma maneira que os outros jogadores, ele precisa trabalhar. Ele jogou um bom jogo, mas ele pode melhorar.”

Seria muita pressão em cima do novato ou para ser jogador de um grande time, como o Chelsea, Alonso deve estar preparado para buscar seu melhor, mesmo quando as vitórias aparecem e não há tanta cobrança?

Em definitivo, nem o esquema tático, muito menos o time titular, apenas palmas a Antonio Conte, por acreditar no futebol como uma paixão de milhões e dar oportunidade à jogadores já esquecidos por grande parcela da torcida e mídia. É muito importante saber que ainda existem pessoas qualificadas e famosas dentro do cenário esportivo que, mesmo com um elenco cheio de estrelas, ainda conseguem reconhecer novos e veteranos talentos, dentro do time de Stamford Bridge.

Compartilhe

Comments

Category: English Premier League

Tags: