Conte comemora título, exalta trajetória de Terry e elenco do Chelsea

O técnico do time campeão da Premier League 2016/17, Antonio Conte, falou em entrevista depois de vencer o Sunderland, pela 38ª rodada, com uma goleada de cinco a um em pleno Stamford Bridge. Além de levantar a taça, os Blues presenciaram e homenagearam o zagueiro e capitão John Terry.

O treinador foi homenageado com os gritos da torcida, que entoaram seu nome como no canto “Antonio, Antonio” e comentou sobre a atmosfera desta partida marcada na história do clube.

“Houve muita emoção hoje. Eu acho que é ótimo finalizar a temporada desta forma, para celebrar uma temporada fantástica. Nós vencemos a liga com 30 vitórias, o que é muito positivo para nós. Nós superamos muitos passos difíceis, então, nós devemos estar orgulhosos com nossos fãs e nossas famílias”.

John Terry e conte comemoram o título da Premier League (Foto: Reuters)

“Eu disse a você que seria muito importante encontrar uma solução para celebrar um grande campeão e uma lenda do clube. Ele mereceu começar o jogo e aí teve a substituição no 26º minuto. Ele mereceu esta comemoração porque ele escreveu sua história no Chelsea. Eu desejo a ele e sua família o melhor no futuro. Para mim e para o clube, será uma grande perda, porque ele me ajudou muito dentro e fora de campo nesta temporada. Agora, nós devemos respeitar sua decisão”.

Jogadores do Chelsea fazem corredor e aplaudem em homenagem a John Terry (Foto: Getty Images)

“Eu acho que a ideia dos meus jogadores (a guarda de honra) foi ótima, para reconhecer uma carreira importante e uma lenda do clube, um dos melhores defensores no mundo. Ele mereceu isto”.

Conte também mencionou a importância do atacante Michy Batshuayi, que marcou dois gols na última rodada do campeonato.

“Eu estou satisfeito por ele, porque, Michy teve uma temporada muito difícil. Não é fácil chegar e jogar na Premier League, porque é muito forte. Depois de um ano, trabalhando e forçando muito e tendo um ótimo comprometimento, ele merece (jogar) a final e com certeza ele é outra arma”.

Para o técnico, vencer a final da FA Cup transformará a temporada em fantástica

A Premier League foi conquistada pelo time de Londres com todos os méritos – 30 vitórias em 38 jogos. Mas, além de comemorar, o treinador ressaltou a importância de manter a atenção na final contra o Arsenal.

“Isso é perigoso. Pensar que a temporada está finalizada e se nós vencermos ou perdermos, não muda a situação. Nós devemos pensar como vencedores, não perdedores. É importante celebrar hoje e aproveitar este momento”.

“Esta temporada pode se tornar fantástica se nós estivermos dispostos a vencer a FA Cup. Nós devemos encontrar a motivação certa porque o nível é o mesmo entre nós e o Arsenal, nós perdemos de 3 a 0 no primeiro jogo e então vencemos por 3 a 1. Agora, nós temos a oportunidade de jogar um terceiro jogo. Nós devemos encontrar o fogo em nossas almas para trabalhar muito duro nesta semana e sentir este jogo. É uma grande oportunidade para vencer o Double”.

Jogadores que passaram pelo banco do Chelsea saíram e fizeram a diferença em partidas desta temporada

“Eu tentei encontrar a melhor solução para nós, para trazer todos os meus jogadores para a melhor forma e dar mais alguns minutos para jogadores que precisam jogar mais, então, eu tenho seis dias para decidir os 11 melhores Esta temporada tem mostrado que quando jogadores chegam do banco, então são decisivos para nós. Mesmo hoje, Pedro e Batshuayi chegaram e marcaram três gols. Michy marcou contra o West Brom e Fàbregas saiu do banco e marcou contra o Watford”.

Comissão técnica e elenco do Chelsea na comemoração (Foto: Getty Images Europe)

Wembley receberá final da FA Cup em duelo de times de Londres

Conte afirmou que os Gunners têm vantagem no quesito de motivação, ainda mais pelo fato de não terem se classificado para a UEFA Champions League. O time azul tem seis dias para se preparar.

“Se você me perguntar agora quem é o favorito, eu diria que é o Arsenal, porque a única possibilidade que eles têm de fazer uma boa temporada é vencendo a FA Cup. O jogo será muito difícil, acima de tudo porque depois de tantos anos eles não estão na Champions League. Eu não estou falando sobre o jogo tático, eu estou falando sobre motivação”.

Comentários

Category: English Premier League

Tags: