Mourinho vê a oportunidade de conquistar seu primeiro troféu desde que voltou a Inglaterra (Foto: Chelsea FC)

Mourinho: “Nós temos uma final para vencer no domingo e nada mais importa”

Mourinho vê a oportunidade de conquistar seu primeiro troféu desde que voltou a Inglaterra (Foto: Chelsea FC)
Mourinho vê a oportunidade de conquistar seu primeiro troféu desde que voltou a Inglaterra (Foto: Chelsea FC)

O Chelsea vai até Wembley no domingo (1) em busca do primeiro troféu da temporada, contra o rival Tottenham Hotspurs. O treinador dos Blues, José Mourinho, falou em sua coletiva de imprensa a respeito da pressão e expectativa para a final. Mourinho também atualizou o quadro de saúde da equipe, e defendeu o comportamento da torcida azul.

“Desde o dia em que eu cheguei em 2013, este é o único momento em que eu não penso sobre o futuro deste time, eu só penso sobre agora. Eu não penso nas consequências, penso apenas sobre este jogo. Nós temos uma final para vencer no domingo, e nada mais importa.”

“Eu não acredito que se você ganha a final da copa, você vence a liga nacional. Eu não vejo conexões. Se voltarmos para a casa com a taça e a medalha, perfeito, mas, na segunda-feira nós temos que treinar, quarta-feira temos que jogar e não temos tempo para pensar nas consequências.”

Sobre a importância da Capital One Cup, o treinador afirmou:

“Eu respeito todas as competições, e com certeza eu não estou errado ao dizer que vários times nos seguiram desde 2005 até 2007 quando levamos a League Cup (Copa da Liga Inglesa ou Capital One Cup) como um desafio sério, tentávamos ganhar as finais. Respeitamos cada competição, e a Copa da Liga é um grande torneio também.”

“O Chelsea está indo muito bem com um novo time, com atletas que não jogaram partidas em Wembley e dúzias de finais. Nós estamos fazendo com que Wembley seja uma coisa normal para nós, tentando ir lá ano após ano.”

O português confirmou que John Obi Mikel está fora do confronto devido a sua lesão no joelho. O sérvio Nemanja Matic se junta ao nigeriano e não jogará no domingo. Matic cumpre sua primeira partida de suspensão.

Os Spurs jogaram na quinta-feira (26) pela Europa League, na Itália contra a Fiorentina. Mourinho, no entanto, não acredita que o jogo extra dos Spurs seja um fator a favor dos Blues, neste fim de semana. O treinador também ficou satisfeito ao assistir o desempenho de Mohamed Salah, emprestado a Viola, ao marcar um dos gols que tiraram os rivais de Londres da competição.

“Acho que eles não vão entrar com o mesmo time que jogaram ontem. Eles jogarão com alguns daqueles jogadores, não muito mais, então não acho que a parte física está em questão.”

“Salah foi para lá para jogar e ele está tendo seu tempo no campo. Nós apenas nos importamos com sua evolução, e não com o fato dele ter feito um gol contra um time inglês, que eu acho que não é bom para qualquer um aqui. Às vezes, nesse país, pessoas com grandes responsabilidades esquecem que nós precisamos de equipes inglesas bem sucedidas na Europa. Eu nunca fico feliz quando um time inglês perde na Europa porque eu trabalho neste país e eu posso ser afetado por isso no futuro.”

Mourinho não quis comentar sobre os incidentes envolvendo Matic, no embate contra o Burnley que tirou o jogador de duas partidas (esta contra o Tottenham e a próxima, contra o West Ham), e foi perguntado sobre suas esperanças de que na final da Capital One Cup não seja dominada por decisões de arbitragem.

“Felizmente até os jogadores que gostam de complicar as coisas vão tentar fazer da final uma grande final. Os jogadores que estão atrás de faltas e cartões. Eu não estou dizendo isso semana após semana, mas quase todo dois ou três jogos eles estão simulando e fingindo que estão sendo agredidos.”

Outro ponto importante da entrevista foi sobre o encontro das torcidas do Chelsea e do Tottenham:

“Para mim, recente história [da torcida do Chelsea] é o jeito que os fãs do Chelsea estão se comportando, partida após partida, ano após ano, em vários países, sem problemas e sem violência. Este é o modo como eles se comportam na final da copa, indo para Wembley, curtindo o dia, usando cada ingresso que nós temos. O que aconteceu em Paris não é o modo como os torcedores do Chelsea agem e é por isso que o clube tomou ações imediatas sobre. O Chelsea é um clube grande, e eu acredito que os torcedores sabem como aproveitar momentos como finais de copas.”

Compartilhe

Comments

Category: Copa da Liga Inglesa

Tags: