Chelsea domina partida e vence a primeira na Copa da Inglaterra

Neste domingo, o Chelsea recebeu o Peterborough United pela terceira rodada da Copa da Inglaterra. O jogo contava com as voltas de Zouma e Terry à equipe titular, além de vários jovens escalados por Antonio Conte. Porém, o time ainda contava com alguns jogadores que vinham aparecendo bastante como Cahill, Fàbregas, Pedro e Willian.

Os Blues marcaram dois gols ainda na primeira etapa com Pedro e Batshuayi e ampliaram com Willian no começo do segundo tempo. Terry foi expulso em lance polêmico, o que deu novo gás aos visitantes que chegaram ao gol de honra. Porém, no fim, Pedro deu números finais à partida no Stamford Bridge.

Pedro marcou o primeiro gol dos Blues na partida

Chelsea mostra superioridade e abre boa vantagem na primeira etapa

O cenário dos primeiros momentos do jogo não poderia ser diferente. A partida começou agitada e com bastante velocidade dos meninos dos Blues. Aos cinco, Willian cobrou escanteio, Cahill desviou com o pé e o goleiro McGee fez boa defesa antes da bola bater na trave, nele de novo e sair.

O Peterborough, porém, não sentia tamanha pressão e buscava sair para o jogo na casa do adversário. Aos oito minutos, Maddison cruzou e Angol apareceu livre na pequena área. O atacante finalizou fraco, em cima de Begovic, que fez a defesa. Aos 11, Willian fez boa jogada na ponta direita e cruzou para Batshuayi dividir com a marcação e ganhar escanteio. Na cobrança, Terry pegou de primeira e McGee realizou grande defesa para salvar o Peterborough.

Apesar de chegar com perigo ao ataque, os Blues sofriam em algumas boas chegadas dos visitantes, principalmente em bolas aéreas. Aos 16, Willian encarou a marcação, pedalou e chutou forte. A bola pegou na zaga e voltou para o brasileiro, que acabou isolando a bola pela linha de fundo.

O gol do Chelsea viria na jogada seguinte, aos 18 minutos. Willian disparou em contra-ataque e encontrou Loftus-Cheek, que recuou para Fàbregas carimbar a zaga. Na volta, Chalobah chutou de fora da área, obrigando McGee a se esticar todo e espalmar a bola. No rebote, Pedro se livrou da marcação e deu belo chute para abrir o placar em favor dos Blues.

O jogo se acalmou bastante depois do gol do Chelsea. Os visitantes não conseguiam mais pressionar e agredir os Blues, enquanto os dos da casa trabalhavam a bola, buscando ampliar o placar. Aos 29, Willian encontrou Batshuayi, que chutou cruzado para boa defesa de McGee. Minutos depois, aos 32, a jogada se repetiu, mas dessa vez Loftus-Cheek foi quem chutou. No rebote, o inglês rolou para Pedro, que driblou o último marcador e chutou forte, explodindo a bola no travessão, perdendo grande chance de ampliar o marcador.

O Chelsea começou a pressionar quando o jogo se aproximou dos 40 minutos. Aos 39, Pedro tocou para Willian, que driblou a marcação e chutou cruzado para boa defesa com os pés do goleiro McGee. Os visitantes responderam dois minutos mais tarde. Edwards passou por três marcadores e cruzou fechado, obrigando Zouma a se esticar e afastar o perigo para longe do gol.

Quando o relógio marcava 42 minutos do primeiro tempo, Willian encontrou Ivanovic pela direita. A zaga do Peterborough não voltou e o sérvio cruzou para Loftus-Cheek escorar e Batshuayi chutar no canto para marcar o segundo gol do Chelsea no jogo.

Terry é expulso em lance duvidoso

Chelsea tem capitão expulso, sofre gol, mas mantém superioridade no segundo tempo

O Chelsea começou a segunda etapa em cima. Logo aos dois minutos, Lopes perdeu a bola e Batshuayi acionou Loftus-Cheek, livre e de frente com goleiro, mas o meia chutou pela linha de fundo, perdendo chance incrível de ampliar.

Porém, não tardou para o Chelsea chegar ao terceiro gol, já que o Peterborough parecia acabado em campo. Aos sete minutos, Fàbregas fez ótimo lançamento para Pedro. O espanhol encontrou Willian dentro da área, que dominou, cortou a zaga e chutou no canto, sem chances para McGee.

O Chelsea demonstrava a extrema superioridade que já se esperava. Os jogadores de ataque trocavam passes na frente da área e, até mesmo dentro da área adversária, com muita facilidade. Porém, o jogo esfriou bastante e aos 21 minutos, o Peterborough começou a ensaiar contra-ataques. Num deles, Angol foi derrubado por Terry próximo da área. O capitão foi expulso, deixando os Blues com um jogador a menos por mais de 20 minutos de jogo.

O jogo parecia mais tenso com a expulsão de Terry. Os Blues encontravam dificuldade em manter a posse de bola no ataque com um jogador a menos e, aos 25 minutos, os visitantes chegaram ao gol. Após cruzamento, a zaga dividiu com Angol e a bola sobrou para Nichols que, livre de marcação, marcou o primeiro do Peterborough.

Quando o cenário parecia se encaminhar para um final de jogo mais complicado do que a torcida do Chelsea esperava, os Blues responderam. Batshuayi recebeu de Aina, driblou a marcação e escorou para Pedro, de fora da área, bater colocado e aumentar a diferença no placar em favor do Chelsea.

Os Blues então começaram a dominar o jogo, que se acalmou relativamente. Aos 39, Angol ganhou da marcação, mas chutou alto demais, pela linha de fundo. O Chelsea respondeu aos 43 com Batshuayi. O belga foi lançado, encarou a marcação e chutou com muito perigo ao lado esquerdo da trave de McGee. Aos 45, Pedro recebeu de Kanté, carregou e chutou colocado pela linha de fundo, quase marcando seu terceiro gol na partida. O espanhol ainda foi acionado em um último contra-ataque, quando tocou para Batshuayi chutar com força, obrigando McGee a fazer grande defesa, evitando o quinto gol.

Ficha Técnica

Chelsea: Begovic, Zouma, Terry (c), Cahill (Aina 11’/2º tempo), Ivanovic, Fabregas, Chalobah, Loftus-Cheek (Azpilicueta 24’/2º tempo), Pedro, Batshuayi, Willian (Kanté 28’/2º tempo).

Peterborough: McGee, Smith, Bostwick, Tafazolli, Hughes (Binnom-Williams 37’/2º tempo), Forrester (c), Nichols, Lopes, Maddison (Taylor 11’/2º tempo), Edwards (Samuelsen 11’/2º tempo), Angol.

Gols: Pedro (18’/1º tempo e 30’/2º tempo), Batshuayi (42’/1º tempo), Willian (7’/2º tempo), Nichols (26’/2º tempo),

Cartões amarelos: Forrester (22’/1º tempo), Fàbregas (23’/1º tempo), Tafazolli (42’/1º tempo),

Cartões vermelhos: Terry (21’/2º tempo)

Árbitro: Kevin Friend

Estádio: Stamford Bridge

Comments

Category: Copa da Inglaterra

Tags: