Chelsea segue maratona de confrontos contra Arsenal, desta vez pela Copa da Liga Inglesa

Nesta quarta-feira, o Chelsea encontra o Arsenal mais uma vez no ano, na Stamford Bridge pela Copa da Liga Inglesa, às 18h. A partida é a primeira etapa da semi-final na competição, e será transmitida ao vivo pela ESPN Brasil.

Você também pode acompanhar lance a lance pelo Twitter oficial do Chelsea em Português, @ChelseaFC_PT.

Barkley terá que esperar

Para o confronto, Conte tem o alívio de não precisar se preocupar com jogadores lesionados. Eden Hazard era o único que poderia estar de fora, mas se recuperou a tempo do problema na panturrilha. Já Ross Barkley, novo reforço dos Blues, não deve entrar em campo. O treinador comentou que apesar da forma física dele estar muito boa, falta um pouco de treino tático para que ele esteja pronto e dentro do esquema de jogo que o time precisa.

Apesar de ter decepcionado muitos no último confronto conta o Arsenal, semana passada, é esperado que Alvaro Morata jogue, e pode ser a chance dele se redimir com a torcida.

Já para o adversário, muitos desfalques

No caso do Arsenal, Wenger pode deixar Petr Cech descansar, já que havia prometido que nessa temporada David Ospina teria mais tempo nas Copas. Mesut Ozil pode ficar de fora da partida, por causa de uma possível lesão no joelho, e é provável que Danny Welbeck o substitua na posição.

Já Granit Xhakae e Shkodran Mustafi precisarão passar por testes físicos, e só depois saberão se estão aptos para jogar. Para Sead Kolasinac, Olivier Giroud, Aaron Ramsey, Nacho Monreal e Laurent Koscielny, nada de entrar em campo até pelo menos a próxima semana, por causa de lesões.

Prováveis escalações

Chelsea (3-5-2): Courtois, Cahill, Christensen, Azpilicueta, Marcos Alonso, Fabregas, N’Golo Kante, Drinkwater, Victor Moses, Alvaro Morata, Eden Hazard.

Arsenal (3-4-2-1): Ospina, Chambers, Mustafi, Holding, Bellerin, Xhaka, Wilshere, Maitland-Niles, Sánchez, Welbeck, Lacazette.

Entrevistas pré-jogo

Antonio Conte (Chelsea)

Treinador considera bom o último jogo contra Arsenal, mas há pontos para melhorar (foto: Chelsea FC)

Na entrevista, Conte comentou a dificuldade em balancear um time, e criar elencos diferentes para dar oportunidade e descanso a todos os atletas.

“Em cada jogo, tentamos formar uma equipe forte, independente de jogar o campeonato inglês, FA Cup, ou Carabao Cup,” disse.

Quando jogamos todos os três jogos, é importante fazer rotações, mas ao mesmo tempo, seu time precisa ser bem forte, ou então, estará arriscando o troféu. É um jogo muito importante para nós, uma semi-final é a chance de conquistar a taça. Nós merecemos estar aqui e será um jogo difícil contra o Arsenal.”

Arsene Wenger (Arsenal)

Apesar dos problemas no elenco, Wenger vem focado para o jogo (Foto: Arsenal FC)

O Arsenal vive um momento de grande especulação envolvendo seu elenco, principalmente o atleta Alexis Sanchez, estrela do time que pode estar trocando os Gunners pelo Manchester City, mas segundo o treinador, isso não pode afetar o rendimento no jogo.

O mais importante é ser profissional, jogar bem independente de como o clima está. É por isso que eu acredito que isso não terá uma grande influência na performance de Sanchez, nem da do time. É parte do jogo lidar com isso.“Você precisa ir lá, ser sólido e tentar criar vantagem sob todos os erros, fraquezas e ganhar a partida,” disse Wenger, sobre suas expectativas para o jogo.

Nós também sabemos que há outro jogo depois desse, e precisamos ser sólidos defensivamente também. Eu adoraria ganhar [a Copa] porque nós estamos agora na semi-final e se é uma oportunidade, precisamos tentar alcançá-la. Tem ainda uma longa caminhada pela frente, porque tem Manchester City e Bristol City, e amanhã seremos nós contra Chelsea, então é bem similar a FA Cup do ano passado.”

Fique de Olho

Alexis Sanchez's contract at Arsenal expires in the summer
Rumores de transferência não devem abalar a estrela do Arsenal (Foto: Getty Images)

Apesar das notícias de que Sanchez deve ser vendido ao Manchester City, o treinador já deixou claro que isso não deve afetar o rendimento do jogador.

Durante a Premier League, ele foi destaque diversas vezes por gols importantes, e a semi-final de uma competição que pode ser a única vitória do time no ano é um bom momento para ele querer se destacar. Em 121 jogos, são 80 gols pelo Arsenal. Apenas em 2017/18, o atacante jogou 25 vezes, contando clube e seleção, e marcou nove gols.

Histórico recente

No último encontro, Chelsea não conseguiu segurar a vitória (foto: Premier League)

Arsenal e Chelsea estão numa sequência de três encontros em 21 dias, sendo que o primeiro foi semana passada, pela Premier League, e acabou em um empate por 2 a 2. Já nos últimos dois encontros em disputas de copas, o resultado foi positivo para o Arsenal. Porém, levando em conta os 11 jogos mais recentes, os resultados são bem equilibrados: quatro vitórias do Chelsea, três derrotas, e quatro empates.

Curiosidades

  • A partida será uma das primeiras a contar com o VAR, mais conhecido como árbitro de vídeo;
  • Essa é a segunda partida de uma sequência de três clássicos em 21 dias de Chelsea e Arsenal;
  • Chelsea ganhou quatro de cinco Copas da Liga Inglesa contra o Arsenal;
  • Os Gunners só ganhar uma das últimas nove visitas à Stamford Bridge;
  • Arsenal é o time que mais saiu da competição na fase de semi-final.

Category: Competições

Tags:

Article by: Asnate Souza

Estudante de Relações Internacionais na USP, e atleta universitária de futsal e futebol americano. Na horas livres, estou assistindo jogos.