Chelsea joga bem, mas cede empate ao Barcelona pela UEFA Champions League - Chelsea Brasil

Chelsea joga bem, mas cede empate ao Barcelona pela UEFA Champions League

Chelsea e Barcelona fizeram um grande jogo na partida de ida das oitavas de final da UEFA Champions League. A partida, que aconteceu nesta terça-feira (20) em Stamford Bridge, apresentou momentos de domínio para ambos os lados, e assim foi também o placar: 1 a 1 em Londres. A partida de volta acontece em 14/3, no Camp Nou.

Chelsea efetivo na primeira etapa

Com a inesperada ausência de um centroavante no time titular, o Chelsea iniciou o confronto impondo pressão sobre a equipe do Barça. Ainda aos cinco minutos do primeiro tempo, Eden Hazard levou perigo a meta defendido por Ter Stegen ao mandar uma bomba de pé esquerdo por cima do gol.

O controle ofensivo da equipe londrina sobre a partida pareceu acordar o Barcelona somente após os 10′, em mais uma tentativa dos Blues de abrir o placar, desta vez com Antonio Rüdger. Dentro da área de Courtois, Paulinho tentou, de cabeça, responder os lances ofensivos do Chelsea, mas acabou também desperdiçando sua chance.

Marcação funcionou muito bem na primeira etapa (Foto: Reuters)

Ainda pressionando a equipe visitante – apesar de ter uma posse de bola bem menor -, o Chelsea exercia forte marcação sobre as principais peças do elenco catalão, como Lionel Messi. Com o jogo mais truncado, os lances de perigo só voltaram a aparecer após os 29 minutos de jogo. Willian tirou a defesa do Barça para dançar e, de quebra, acabou sofrendo falta de Rakitic na entrada da área.

E o brasileiro não parou por ai. Aos 33′, o camisa 22 criou a melhor oportunidade de gol dos londrinos até então, mandando a bola direto para a trave de Ter Stegen. Sete minutos depois, teve outra grande chance de marcar, que também bateu na trave.

O relógio marcava 42 minutos quando Hazard tentou uma finalização com bola parada do lado de fora da área. O camisa 10 bateu bem, mas não conseguiu abrir o placar antes que o juiz apitasse o fim da primeira etapa em Stamford Bridge.

Segundo tempo recheado de emoções

O Barcelona retornou para o jogo bem mais atento que na etapa anterior. Dessa vez, os culés assumiram uma postura mais ofensiva, na tentativa de pressionar a equipe do Chelsea para encontrar espaços.

Luis Suárez apareceu pela primeira vez na partida aos 53’, trazendo perigo ao gol do Chelsea após passe de Andres Iniesta. O lance, no entanto, não teve sucesso, com o próprio uruguaio cruzando frente a meta defendida por Courtois para ninguém.

Mantendo a postura ofensiva mesmo sem manter a posse de bola, o Chelsea finalmente encontrou o gol adversário aos 62 minutos, com Willian. O atacante brasileiro que foi o nome do jogo na primeira etapa bateu de fora da área entre os defensores do Barça, o que atrapalhou a visão de Ter Stegen e permitiu que a equipe inglesa abrisse o placar.

Brasileiro abriu o placar com lindo chute de fora da área (Foto: Getty Images)

A partir de então, os Blues tiveram o controle das ações, e ganharam muita confiança. Entretanto, uma falha na saída de bola foi fatal. A posse chegou dentro da área para Iniesta, que rolou para Messi. De primeira, o argentino deslocou Courtois e pôs fim à sua estatística, que não mostrava gols contra o Chelsea.

Messi aproveitou falha da defesa e marcou pela primeira vez contra o Chelsea (Foto: CameraSport)

O jogo ganhou equilíbrio nos minutos finais, e a tensão ganhou os dois lados. Foram diversas faltas duras nos 15 minutos finais, e muitos cartões amarelos distribuídos. Não houveram mais chances claras de gol, e o placar se encerrou na igualdade.

Ficha Técnica

Chelsea: Courtois; Azpilicueta, Christensen, Rüdiger; Moses, Fàbregas (Drinkwater 84′), Kanté, Alonso; Willian, Pedro (Morata 83′), Hazard.

Barcelona: Ter Stegen; Sergi Roberto, Piqué, Umtiti, Jordi Alba; Busquets, Rakitic, Paulinho (Vidal 64′), Iniesta (Gomes 92′); Messi, Suárez.

Gols: Willian 62′ (Chelsea) e Messi 75′ (Barcelona)

Cartões Amarelos: Ivan Rakitic 29’, Suárez 76′ e Busquets 90′ (Barcelona); Rudiger 80′ e Morata 86′ (Chelsea).

Estádio: Stamford Bridge, Londres

Category: Competições

Tags:

Article by: Gabriela Bustamante

Estudante de jornalismo, 20 anos, apaixonada pelo Chelsea. A mulher que chora quando pensa naquele Barcelona 2x2 Chelsea no Camp Nou, em 2012.