Redknapp já considera a possibilidade da saída de Modric

Redknapp não quer um jogador descontente em seu elenco
Redknapp não quer um jogador descontente em seu elenco

 Apesar das recentes declarações de Modric, a diretoria do Tottenham continua com o pé firme de que não vai deixar o jogador sair do clube. Levy negou furiosamente que um acordo como o dito por Modric nunca foi firmado.

O presidente do Tottenham ainda está considerando a resposta que vai dar às declarações de Modric e pode multá-lo em dois meses de salários, o máximo permitido em seu contrato. O Tottenham foi chocado pelos comentários feitos por Modric e sua completa mudança de atitude, sendo considerado antes um exemplo de profissional.

O Spurs sabe que está sendo colocado contra a parede pelo croata mas por uma questão de princípios, Levy irá manter sua postura atual. Mas em face de tanto desconforto, o técnico da equipe londrina, Harry Redknapp, já começa a pesar as opções e a considerar a possibilidade de Modric não estar em seu elenco para a temporada vindoura. Ele admite receio em ter um jogador que poderá ser uma influência caótica nos vestiários, o que poderia afetar o rendimento e desgastar a moral da equipe.

“Daniel Levy disse que Modric não irá a lugar algum, mas o Harry já tem bastante experiência para avaliar que é muito difícil manter um jogador descontente na equipe, mas é sábio o suficiente para usar o dinheiro que viria para ajudar o clube a se virar sem Modric” disse uma fonte do Tottenham próxima ao técnico.

O Tottenham já antecipa novas investidas de Modric no intuito de forçar uma saída para o Chelsea, mas a diretoria insiste que a situação não vai se assemelhar à saga que eventualmente viu Berbatov sair para o Manchester United no último dia da janela de transferências em 2008.

Category: Chelsea Football Club

10 comments

  1. Torcendo para Modric venha para o Chelsea… excelente reforço seria.

  2. Torcendo para Modric venha para o Chelsea… excelente reforço seria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Article by: Chelsea Brasil