Os números mostram por que Hazard foi o melhor belga de 2017

Eden Hazard venceu o prêmio “Belgium’s Devil of the Year” de 2017, batendo seus ex-companheiros de time Kevin De Bruyne e Romelu Lukaku, que ficaram em segundo e terceiro lugar, respectivamente.

Hazard teve um grande ano pela seleção e pelo clube, além de ter capitaneado a Bélgica durante as eliminatórias para a Copa do Mundo, já que o Kompany estava ausente devido a lesão.

A seleção belga foi a primeira seleção europeia a se classificar para a Copa na Rússia e Hazard desempenhou papel fundamental, sendo o vice artilheiro (6 gols) e vice-líder de assistências (5 assistências) da seleção, atrás de Lukaku (11 gols) e Mertens (6 assistências), respectivamente.

No ano de 2017, Hazard foi mais uma vez campeão da Premier League e foi um dos principais jogadores da seleção nas eliminatórias, o que lhe garantiu o prêmio sobre seus ex-companheiros.

Kevin De Bruyne vive fase excelente no Manchester City e tem superado Hazard dentro de campo, sendo peça fundamental na campanha impecável dos citizens até aqui. Ele tem o mesmo número de gols de Hazard na competição (5) e é o líder de assistências ao lado de Sané, também do City, com 9, enquanto o belga dos Blues tem apenas 2.

Apesar do protagonismo em Manchester, De Bruyne e Lukaku não foram capazes de superar Hazard

No entanto, De Bruyne não brilhou na Bélgica como brilhou no City. Não marcou gols nas eliminatórias e proveu 4 assistências durante toda a competição. Certamente, suas atuações não tão boas pelos Red Devils pesaram na decisão dos votantes.

Além disso, o City terminou em 3º lugar na Premier League 2016/2017, flertando muitas vezes com a irregularidade, depois de ter um início fulminante na competição.

Do outro lado de Manchester, Lukaku viveu ótima fase na seleção belga, mas a fraca campanha do United na Premier League 16/17 não lhe favoreceu muito. Os Red Devils da Inglaterra terminaram apenas em 6º na competição, mas garantiram vaga na UEFA Champions League através da Europa League, na qual se sagraram campeões.

A temporada atual para Lukaku começou muito bem, mas o atacante belga caiu de produção nos últimos meses e o conjunto de suas atuações no ano lhe rederam a 3ª colocação do prêmio.

Hazard pode não viver uma fase tão boa quanto Kevin De Bruyne atualmente, mas levando em consideração todo o ano de 2017, não é esforço nenhum dizer que o belga dos Blues venceu merecidamente a premiação.

Túlio Henrique